F1

“Não podemos reclamar”: Verstappen se diz “bem feliz por largar na segunda fila” no GP da Austrália

Max Verstappen conseguiu superar a Ferrari de Charles Leclerc e vai completar a segunda fila do grid do GP da Austrália ao lado de Sebastian Vettel neste domingo. Um resultado considerado bem satisfatório pelo holandês, que teve de fazer um acerto completamente novo entre o terceiro treino e a classificação
Grande Prêmio / FERNANDO SILVA, de Sumaré
Max Verstappen vai sair na segunda fila do GP da Austrália. Na primeira classificação da Red Bull sendo empurrada pelo motor Honda, o holandês obteve um resultado oposto ao do seu novo companheiro de equipe, Pierre Gasly, que sequer passou do Q1 no treino classificatório deste sábado (16) e vai partir em 17º. Para Max, trata-se de um bom resultado depois de ter lutado muito com o acerto do carro, sobretudo no terceiro treino livre.

É também a melhor posição de largada da Honda desde que regressou à F1, em 2015, como fornecedora de motores no Mundial. Antes, o melhor grid de um motor da fábrica japonesa neste retorno à categoria foi com Pierre Gasly, quinto lugar no alinhamento inicial do GP do Bahrein com a Toro Rosso no ano passado.
 
Verstappen marcou 1min21s320 como melhor tempo e conseguiu superar a Ferrari de Charles Leclerc, que vai largar em quinto. O jovem de 21 anos, contudo, ficou a 0s834 do tempo estabelecido por Lewis Hamilton, o pole-position em Melbourne.
Max Verstappen se mostra incerto sobre o ritmo de corrida da Red Bull (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
“No fim das contas, vamos largar em quarto, então não podemos reclamar sobre isso depois de tudo o que tivemos. Claro que gostaria de estar mais próximos, mas ao menos correu bem melhor do que durante o treino livre”, contou o piloto do carro #33.
 
“Foi muito apertado e quando você não tem um bom equilíbrio, como no terceiro treino, você nunca sabe como vai ser. No fim, foi razoavelmente bem. Estou bem feliz por largar na segunda fila”, salientou.
 
“Testamos algumas outras coisas no carro, mas isso não funcionou, então mudamos completamente o acerto do carro. Você tem de obter o melhor acerto, mas infelizmente não deu certo”, complementou.
 
Quando questionado sobre sua expectativa para a corrida, Verstappen se mostrou reticente sobre o domingo por conta do acerto da Red Bull e deixou claro que só espera um início de prova sem incidentes para poder cumprir sua jornada e obter uma boa pontuação na abertura do campeonato.
 
“É difícil dizer. Não consegui fazer um long run. Somente nesta manhã, mas estava com um acerto que não funcionou tão bem. Nós temos de assegurar ter uma largada livre de problemas. A partir daí, vamos ver como as coisas vão se desenrolar. É a primeira corrida da temporada, então o mais importante é que nós marquemos pontos”, concluiu.
 
A largada da primeira corrida do campeonato acontece às 2h10 (horário de Brasília) deste domingo. O GRANDE PRÊMIO acompanha AO VIVO e em TEMPO REAL todo o fim de semana do GP da Austrália, prova que abre a temporada 2019 do Mundial de F1. Siga tudo aqui.