Nono, Norris avalia que atuação de Mazepin “custou classificação” na Espanha

O piloto da McLaren afirmou que é irritante perder uma chance por ser atrapalhado por outro piloto na classificação. Russo da Haas foi punido pela FIA (Federação Internacional de Automobilismo)

Lewis Hamilton conquistou a vitória 97 na F1: assista aos melhores momentos do GP de Portugal de F1 (Foto: GRANDE PREMIO com Reuters)

Lando Norris considera que Nikita Mazepin lhe “custou a classificação” para o GP da Espanha. O jovem britânico cravou 1min18s010 neste sábado (8) e acabou apenas na nona colocação, 1s269 atrás de Lewis Hamilton, que cravou a centésima pole da carreira.

Ainda no Q1, o titular da Haas bloqueou a passagem de Norris na chicane de Barcelona, entre as curvas 13 e 14. Os comissários da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) sancionaram Mazepin com a perda de três posições no grid ― o que não altera a ordem de partida, já que Nikita já era o último ― e um ponto de sanção.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Lando Norris acredita que perdeu a classificação por causa de Mazepin (Foto: McLaren)

WEB STORIES: Como ficou o grid de largada do GP da Espanha de Fórmula 1

A punição, no entanto, não melhora a situação de Lando, que sente teve a sessão publicada pela atuação de Mazepin.

“Sinto que meio que me custou a classificação de hoje”, disse Norris. “O carro estava bom. Sinto que não fiz um trabalho ruim. Só tive um cara que me segurou muito, o que fez com que tivesse de usar o meu segundo conjunto de pneus”, seguiu.

“Quando tudo está dividido por milésimos, centésimos e tal, você quer ter a oportunidade de melhorar e não pode errar. Quanto algo assim acontece e você só tem um jogo de pneus para forçar, isso definitivamente nos custou hoje. Então é um pouco irritante, pois acho que poderíamos ter alcançado o quinto, sexto ou algo assim, mas não aconteceu”, completou.

O GP da Espanha de Fórmula 1 tem largada marcada para 10h (de Brasília) neste domingo. A transmissão vai ficar a cargo da Band na TV aberta e também do serviço de streaming F1 TV Pro. O GRANDE PRÊMIO cobre tudo AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar