Organização divulga on-board de volta rápida do GP de Miami de Fórmula 1

Já há até mesmo uma simulação de volta rápida no traçado de Miami da Fórmula 1. A cidade americana foi confirmada como segunda casa da categoria nos Estados Unidos

Volta rápida na pista de Miami, que recebe a F1 em 2022 (Vídeo: Miami)

O GP de Miami já é uma realidade. A corrida foi confirmada dias atrás e, com o traçado já definido, chegou a hora das primeiras imagens on-board. A organização da prova trouxe ao público uma simulação de como será a segunda casa da Fórmula 1 nos Estados Unidos.

A simulação mostrou uma pista das mais velozes, com duas retas de quase 20s de aceleração plena cada. Ao fim de cada uma delas, zonas de freadas das mais fortes e curvas mais apertadas. Ao todo, a volta ficou na casa dos 1min35s.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Miami passa a receber a Fórmula 1 (Foto: Reprodução)

A simulação levou em conta que os carros da Fórmula 1 em Miami serão já os da nova geração. A categoria transforma o regulamento técnico para 2022, visando melhores disputas em pista. Apesar das simulações feitas tanto por categoria quanto por autódromo, ainda é difícil fazer previsões concretas sobre o real desempenho dos carros no próximo ano.

A entrada de Miami no calendário, bem como uma segunda corrida nos Estados Unidos — com o GP realizado em Austin, no Texas, desde 2012 —, era um sonho antigo não apenas do Liberty Media, mas da F1 como um todo, desde os tempos de Bernie Ecclestone. Mas diferente do Circuito das Américas, as instalações no novo traçado da Flórida serão urbanas, com a pista sendo construída em torno do Hard Rock Stadium. A expectativa é de que a corrida aconteça em junho, logo antes ou depois do GP do Canadá, em Montreal.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube