F1

Para afastar “estresse” na Renault, Ricciardo cobra repetição na França de atuação do Canadá

Daniel Ricciardo viu uma Renault frustrada no começo de 2019, consequência da dificuldade para cumprir expectativas. Passada a atuação forte no Canadá, o objetivo é repetir a dose no GP da França, corrida caseira

Grande Prêmio / Redação GP, de Berlim
A Renault vive um momento de maior animação após a boa atuação no GP do Canadá. A equipe conseguiu pontear o pelotão intermediário, alcançando o melhor resultado de 2019 com Daniel Ricciardo, sexto. Foi suficiente para apaziguar as cobranças de evolução, mas trouxe também uma nova situação: a de tentar repetir a dose no GP da França, importante para a única escuderia francesa no grid da Fórmula 1.
 
O próprio Ricciardo reconhece que a Renault teve dificuldades para cumprir com o que se esperava nos primeiros meses de 2019. A atuação no Canadá chega com a sensação de ser um resultado “verdadeiro”, e não fruto de sorte.
 
“Começamos a temporada cercados de muita expectativa. Acho que agora nós começamos a melhorar e mostrar nosso ritmo verdadeiro”, disse Ricciardo. “Fico feliz que a equipe tenha conseguido um fim de semana dos bons, porque as coisas estão ficando estressantes de tempos em tempos. Mesmo assim, seguimos trabalhando e agora estou otimista de que agora estamos no caminho certo. É claro que ainda temos trabalho por fazer até alcançar nossas expectativas, mas brigar com [as equipes do] top-3 foi muito divertido”, seguiu.
Daniel Ricciardo ficou empolgado com a atuação no Canadá (Foto: Renault)
Em Paul Ricard, o objetivo é tomar a edição de 2018 como referência – na ocasião, mesmo sem ser a melhor equipe do pelotão intermediário, a Renault conseguiu pontuar com os dois carros. Algo parecido em 2019 seria importante para superar a McLaren e tomar o quarto lugar no Mundial de Construtores.
 
“Sei que é uma corrida significativa para eles [Renault] e que significa muito para todos os envolvidos. O objetivo para a França precisa ser repetir a atuação do Canadá. A equipe mostrou bom ritmo em Paul Ricard ano passado, então certamente existe uma boa sensação. Temos algumas atualizações, que devem significar o começo de uma tendência de termos do nosso verdadeiro ritmo”, encerrou.
 
O GP da França acontece já no próximo fim de semana. A corrida é a oitava da temporada 2019, liderada por Lewis Hamilton até aqui.

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.