F1

"Perdi na largada”: Bottas admite erro que custou vitória na China e fala em "dar a volta por cima”

Pole-position, Valtteri Bottas perdeu a ponta para Lewis Hamilton na largada em Xangai e depois não conseguiu lutar pela vitória no GP 1000 da Fórmula 1. Apesar de ter conquistado pontos importantes para o campeonato e de ter exaltado a forma da Mercedes neste início de temporada, Bottas lamentou a chance perdida: “Não é uma sensação legal”

Grande Prêmio / FERNANDO SILVA, de Sumaré
Sorrisos no sábado, frustração neste domingo (14). A alegria de Valtteri Bottas no GP 1000 da Fórmula 1 durou até o momento da largada. Pole-position, o finlandês perdeu a ponta em Xangai logo nos primeiros metros para Lewis Hamilton e praticamente não teve chance de lutar pela vitória, com exceção da volta à pista após o primeiro pit-stop, quando se aproximou do pentacampeão, que logo conseguiu abrir novamente vantagem na liderança e venceu de forma contundente.
 
Segundo colocado no GP da China, Bottas admitiu que errou no momento crucial da corrida. “Eu perdi na largada. O carro estava se comportando ok, e o ritmo foi bem parecido”, comentou o finlandês, que acabou perdendo a liderança do campeonato para Hamilton.
O momento crucial para Valtteri Bottas neste domingo: a largada que custou a vitória (Foto: AFP)
“Não pude acompanhá-lo com o ar sujo. Uma pena pela largada, acabei patinando o pneu na linha de chegada e perdi lá”, reconheceu Bottas.
 
Por um lado, Valtteri se mostrou feliz pela grande forma da Mercedes no campeonato. Apesar de a Ferrari ter sido apontada como a dona do carro mais rápido, a equipe prateada alcançou um feito ímpar na história da F1 ao fazer dobradinha nas três primeiras corridas do ano. “São os primeiros dias da temporada, e as coisas parecem boas para a equipe”.
 
Por outro lado, o sentimento por ter perdido a chance de vencer uma corrida histórica na F1 é algo que ainda vai ser digerido pelo nórdico. “Não é uma sensação legal. Vou dar a volta por cima”, prometeu o agora vice-líder do campeonato.