Perto da estreia, Bottas fala em ano de aprendizado e entende que erros serão inevitáveis em 2013

Valtteri Bottas, um dos cinco estreantes no grid da F1 em 2013, afirmou que está tranquilo e muito bem para sua primeira corrida na categoria, mas acredita que erros serão inevitáveis nesta sua fase de aprendizado no topo do automobilismo mundial

► Especial F1 2013, a temporada que vem com rótulo de imprevisível

Depois de um ano dedicado a testes e milhares de quilômetros em simulações de treinos e corridas com a Williams, finalmente Valtteri Bottas terá a chance de fazer sua estreia no grid da tão sonhada F1. O jovem finlandês, de 23 anos, será um dos cinco debutantes em 2013, mas abrirá a temporada com um fator de desvantagem em relação aos seus pares: desde 2011, ano em que conquistou o título da GP3, Valtteri não sabe o que é correr.

Por isso, o jovem nórdico acredita que 2013 será um ano de aprendizado e de alguns erros, o que, na visão do novo piloto da Williams, é totalmente normal. “Ainda que eu estivesse em todos os finais de semana de corrida no ano passado e tivesse feito alguns treinos e, agora, alguns testes, esta será minha primeira corrida. Se eu cometer erros, paciência. Preciso aprender com eles e não fazer de novo”, argumentou Bottas, durante entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira (13), em Melbourne.

Valtteri Bottas entende que erros serão normais neste seu ano de estreia na F1 (Foto: Williams F1)

Em 2012, Valtteri teve a chance de guiar o FW34 em 15 treinos livres de sexta-feira, sempre substituindo o brasileiro Bruno Senna. Contando com o prestígio de Toto Wolff e de toda a cúpula da Williams, Bottas logo foi promovido a titular no lugar de Bruno, fazendo parceria com o experiente Pastor Maldonado, que vai para seu terceiro ano na F1.

Bottas disse que está tranquilo e em forma para sua estreia na categoria. “Eu me sinto muito bem para uma primeira corrida. Não acho que haja qualquer problema. Claro que tudo acontece mais rápido na F1, mas assim é que as coisas são. Você tem de ter sua primeira corrida em alguma hora”, disse o finlandês, com os pés no chão quanto ao que poderá render neste seu ano de estreia.

“Minha meta é, em algum momento — e espero que seja o mais rápido possível — avançar com o carro na classificação e na corrida. Se isso não acontecer nas primeiras corridas, então precisarei aprender e lutar para melhorar”, pontuou Valtteri. “Tinha um nível muito bom em corridas de outras categorias. Mas tudo depende da temporada. Claro que eu quero ir bem na Austrália, mas tenho toda a temporada pela frente, por isso terei tempo para evoluir”, finalizou o novo titular da Williams.

 Quem vai se sagrar campeão da temporada 2013 da F1?

 Siga o Grande Prêmio no Twitter

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube