Pole por 0s026, Bottas diz que “não fez melhor classificação” no “Mickey Mouse” de Sakhir

Valtteri Bottas está feliz com a pole-position, mas sabe que poderia ter feito trabalho melhor em Sakhir. O finlandês derrotou George Russell por apenas 0s026

Valtteri Bottas conseguiu virar o jogo no GP de Sakhir. Um dia após ficar atrás de George Russell nos dois treinos livres, o sábado (5) de treino classificatório rendeu pole-position em uma nova dobradinha da Mercedes. Só que o finlandês é crítico: a volta nem foi tão boa assim, dada a vantagem de apenas 0s026 sobre o britânico.

A pole-position veio após pressão maior sobre Bottas. É que a presença de Russell, substituto de Lewis Hamilton, criou certa obrigação de andar bem e fazer o dever de casa.

“É uma situação diferente, mas só quero focar em mim mesmo e não perder energia com outras coisas”, disse Bottas. “Consegui isso. Pensando em estratégia, estamos em uma posição boa. É bom ver o George completando a primeira fila. Não foi minha melhor classificação, mas estou feliz”, seguiu.

Valtteri Bottas fez a pole-position (Foto: Mercedes)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

A questão estratégica citada por Bottas é relativa aos pneus. A dupla da Mercedes conseguiu alcançar o Q3 com médios. Max Verstappen, maior ameaça, precisou usar macios. O holandês fica com menos flexibilidade quando o assunto é estratégia na corrida.

Só que, mesmo que a estratégia jogue a favor da Mercedes, Valtteri não quer dar nada por certo. Bottas lembra que o GP é no anel externo de Sakhir, que lembra uma pista ‘de brinquedo’.

“É uma situação desconhecida, não é fácil seguir os carros. Veremos como vai ser. Essa é uma pista Mickey Mouse”, encerrou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube