Responsável pela contratação de Magnussen, Dennis avalia: “Tem todos os ingredientes para vencer”

Responsável pela contratação de Kevin Magnussen, Ron Dennis, diretor-executivo da McLaren, avaliou que o jovem dinamarquês tem todos os ingredientes necessários para vencer o Mundial

Kevin Magnussen causou uma ótima impressão em sua primeira prova na F1. Depois de conquistar o segundo ligar no GP da Austrália – por conta da desclassificação de Daniel Ricciardo –, o dinamarquês de 21 anos também recebeu elogios do chefe Ron Dennis, diretor-executivo da McLaren.
 
Questionado pela revista britânica ‘Autosport’ sobre quem tinha tomado a decisão de substituir Sergio Pérez por Magnussen, Dennis respondeu: “Às vezes uma única pessoa pode tomar a decisão – neste caso, fui eu, pois tinha uma gama de problemas”, explicou. 
 
“Tiveram algumas ocasiões em que eu apareci durante 2013 e essa foi uma delas”, contou Ron Dennis.
Terceiro na pista, Magunssen herdou o segundo posto com desclassificação de Ricciardo (Foto: Getty Images)
Na visão de Dennis, Magnussen tem tudo que é necessário para conquistar o título da F1, apenas precisa de um carro que lhe dê a chance de brigar pela ponta.
 
“Ele tem todos os ingredientes necessários para vencer o Mundial, mas tem que estar em um carro competitivo”, ponderou. “Uma corrida é uma corrida. Vamos ver o que acontece em quatro corridas”, seguiu.
 
“Mas eu não tenho nenhuma preocupação com o temperamento, o foco ou o comprometimento dele. E ele está preparado para fazer qualquer sacrifício que seja necessário – isso está muito claro”, defendeu. “Ele tem um mentor fenomenal em Jenson, eles se dão muito bem”, frisou. 
 
Ainda, o diretor-executivo do time do Woking avaliou que Kevin não poderia ter feito nada melhor do que fez na etapa de Melbourne. “Ele não cometeu erros durante todo o fim de semana. Ele nunca colocou uma roda para fora da pista, seguiu todas as instruções, mas forçou ao máximo nos momentos certos”, listou.
 
“Não tenho nada além de elogios para ele. Terceiro lugar no seu primeiro GP, com a complexidade do regulamento, uma classificação desafiadora tanto no seco como no molhado – o que mais nós poderíamos pedir?”, questionou. “Justificou o processo seletivo”, resumiu o dirigente.
 
“É sempre difícil tomar essas decisões, já que você pode estar errado, mas eu estou feliz, pois esta foi a certa”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube