Revelação de tentativa de chantagem à McLaren resgata dúvida: Alonso participou do caso Singapura?

Fernando Alonso ameaçou dedurar a espionagem da McLaren para a FIA em 2007 durante confronto com Lewis Hamilton. No PADDOCK GP #146 Victor Martins diz que é um indicativo de conhecimento e participação também no ‘Singapuragate’ de 2008

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

Poucos dias antes da despedida da F1, Fernando Alonso voltou a ser centro de polêmica. Uma reportagem da BBC trouxe novos fatos a respeito do GP da Hungria de 2007, quando a relação com Lewis Hamilton azedou por conta de desentendimento no treino classificatório. Com a revelação de que Alonso exigiu o abandono de Hamilton por falta de combustível sob a ameaça de dedurar um esquema de espionagem para a FIA, a dúvida reaparece: será mesmo que Fernando não sabia de nada sobre o ‘Singapuragate’ de 2008? Imagem relacionada

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube