F1

Rosberg diz que “incrível” Verstappen passou Hamilton e virou o melhor da F1

Nico Rosberg acredita que a Fórmula 1 tem um novo melhor piloto no grid. O campeão de 2016 avalia que a grande fase atual coloca Max Verstappen um pouco acima de Lewis Hamilton, que começa a sentir o peso da idade

Grande Prêmio / Redação GP, de Porto Alegre
Lewis Hamilton ou Max Verstappen? Já não é mais exagero se perguntar qual dos dois é mais talentoso: o britânico é pentacampeão, mas acompanha o holandês em uma fase próxima da perfeição desde o fim de 2018. Nico Rosberg, campeão da F1 em 2016 e antigo rival de Hamilton, já tomou partido: Verstappen recentemente se tornou o melhor piloto do grid.
 
“O Verstappen é, neste momento, o melhor piloto de F1 que existe”, definiu Rosberg, falando em seu canal no YouTube após o treino classificatório, quando Max foi pole. “Ele [Verstappen] é até um pouco melhor que o Hamilton, superando-o há pouco tempo. Ele está fazendo um trabalho inacreditável. O primeiro ponto é o talento natural. É um talento natural incrível, no nível de Senna e Hamilton. Ele é definitivamente um tipo de talento que você vê uma vez a cada dez anos”, seguiu.
Max Verstappen já superou Lewis Hamilton em performance? (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
“Ele tem um toque narcisista, mas todos os grandes pilotos tiveram isso. Schumacher tinha isso, Senna tinha isso. Todos eles tiveram uma autoconfiança de ferro, que infelizmente eu não tive do mesmo jeito. Acho que ele [Verstappen] tem isso aos montes”, destacou.
 
Aos olhos de Rosberg, o que joga a favor de Verstappen também é a idade de Hamilton. Por melhor que o britânico seja, os 34 anos começam a pesar.
 
“O Hamilton certamente entrou em um começo de declínio das habilidades naturais. A melhor idade para um piloto é 30, 31, 32 anos. Isso é porque, mesmo que sua habilidade caia um pouco conforme você envelheça, a experiência acaba contando muito nesse esporte. A experiência vai compensar a pequena queda nas habilidades naturais. Só que o Max ainda é absolutamente jovem, com reações instantâneas, mas ele também tem experiência. É um dos mais experientes agora, com quatro anos na bagagem. Isso é uma combinação muito poderosa”, encerrou.

Depois da pole-position, Verstappen teve uma boa atuação no domingo. Só que não foi suficiente: a Mercedes deu um nó tático na Red Bull, com Hamilton derrotando o holandês.


Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.