Schumacher está em “boas mãos”: “Grandes coisas começam com pequenos passos”, diz esposa

Perto do aniversário de seis anos do acidente que mudou a vida de Michael Schumacher, a esposa do ex-piloto, Corinna Schumacher, enviou mensagem ao fã clube 'KeepFightingMichael', que acompanha o heptacampeão há alguns anos. Já o presidente do fã clube renovou a esperança de voltar a ver Michael publicamente no futuro

Durante mais de meia década, a família de Michael Schumacher se manteve em total silêncio com relação à situação de saúde do heptacampeão mundial. Contudo, a esposa do ex-piloto, Corinna Schumacher, manifestou-se pela segunda vez num espaço de poucas semanas. Desta vez, por causa do lançamento de uma nova página do fã clube 'KeepFightingMichael', falou que "grandes coisas começam com pequenos passos".
 
O fã clube segue Schumacher há anos, desde um pouco depois do acidente de 2013. A nova página da organização da internet será lançada nos próximos dias – o domingo, 29 de dezembro, marca o sexto aniversário do acidente de esqui que causou graves sequelas cerebrais no alemão. Corinna, então, deu uma palavra de coragem para os fãs.
 
"Grandes coisas começam com pequenos passos. Muitas partículas podem formar um grande mosaico. Juntos vocês são mais fortes, e é exatamente o motivo de combinar forças no movimento KeepFighting para tornar mais fácil encorajar os outros", disse, segundo publicado pelo jornal inglês 'Mirror'.
Corinna e Michael (Foto: Reprodução)
O presidente do fã clube, Reiner Ferling, também falou e mostrou que segue confiante no futuro de Schumacher.
 
"Infelizmente esse período chegou novamente, o sexto aniversário do acidente de Michael. Seis anos de esperanças de que Michael um dia vai aparecer em público novamente", afirmou.
 
"Sabemos que Michael está em boas mãos, que recebe amor, segurança e confiança. Michael pode se considerar sortudo por ter uma família tão forte junto dele. Como fã clube, daremos todo tipo de suporte que pudermos", encerrou. 
 
'KeepFighting' é, além de fã clube voltado a Schumacher, o nome da fundação criada pela família do heptacampeão para auxiliar outras vítimas de acidentes e investir em pesquisas sobre danos no cérebro e na coluna vertebral. 
 
Há algumas semanas, Corinna afirmara que o silêncio sobre a situação de Michael foi um pedido do próprio piloto, embora sem ter explicado muito bem se esse pedido foi feito após o acidente ou antes dele.
 

Paddockast #46
OS 10 MELHORES PILOTOS DA DÉCADA

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube