Segundo no grid de Sepang, Vettel revela coração disparado com falha do RB10 no início do Q1

Segundo colocado no grid de Sepang, Sebastian Vettel admitiu que seu coração disparou por conta de um problema com o carro no início do Q1. Germânico afirmou que não foi perfeito no Q3 e que adoraria ter uma segunda chance

A cobertura completa do GP da Malásia no GRANDE PRÊMIO
As imagens do sábado da F1 na Malásia
icone_TV Automobilismo na TV: a programação do fim de semana

Acostumado a dominar, nem mesmo a primeira fila deixa Sebastian Vettel satisfeito. 0s055 mais lento que Lewis Hamilton, o pole-position, o tetracampeão afirmou que adoraria ter uma segunda chance no Q3 de Sepang.
 
Neste sábado (29), o piloto da Red Bull tirou proveito da evolução do RB10 e fechou a primeira fila ao cravar 1min59s483. Apesar da clara melhora do bólido rubro-taurino, o treino classificatório também reservou seus sustos para Vettel.
Vettel avaliou que poderia ter feito um trabalho melhor no Q3 em Sepang (Foto: Getty Images)
“No início do Q1, o batimento cardíaco aumentou muito rápido quando nós percebemos que havia um problema”, reconheceu Sebastian. “Eu entrei, nós reiniciamos o carro, e isso parece que resolveu o problema. Depois disso, ficou tudo bem”, explicou. 
 
Apesar da segunda colocação no grid, Vettel afirmou que o Q3, fase final do treino classificatório, não foi perfeito, já que sentiu que poderia ter melhorado aqui e ali. 
 
“O Q3 não foi perfeito. Eu adoraria ter uma segunda chance”, declarou. “Na minha primeira tentativa, senti que tinha tempo para ganhar aqui e ali. Foi muito perto, perto demais”, comentou o tetracampeão.
 
“Devo estar no lado bom para amanhã, mas depende de quão boa for a largada”, analisou. “Estou feliz com o resultado”, concluiu.
Viaje para Mônaco e acompanhe o GP mais tradicional do Mundial da F1 com o GRANDE PRÊMIO por um PREÇO ESPECIAL. Veja o pacote aqui:

Foto: Mais uma novidade nesta semana de início da F1: leitor/seguidor do GRANDE PRÊMIO tem preço especial na compra dos pacotes com a AMK Viagens. Já pensou em ir para Mônaco e acompanhar essa <a href=F1 imprevisível no glamour do Principado? Dica de amigo: dá uma olhadinha, fala com os amigos e entra em contato com o Edgar Efeiche para uma viagem em alta velocidade: http://www.amkviagens.com.br/2011/index.php/terrestres_internacionais/ver/104" src="https://fbcdn-sphotos-h-a.akamaihd.net/hphotos-ak-frc3/t1/s843x403/1239391_634676119915289_405699877_n.jpg" style="background-color: transparent;border: none;margin: 0px;padding: 0px;vertical-align: baseline;height: 215px;width: 580px;background-position: initial initial"/>

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube