“Sem bala de prata”: Red Bull vê Mercedes 2020 com carro mais completo da Era Híbrida

De acordo com Christian Horner, domínio retumbante da Mercedes é fruto do carro mais completo dos últimos anos. Assim, equipe austríaca trabalha para com olhos em 2022

Quando se avalia a situação do Campeonato Mundial de Fórmula 1 na temporada 2020, uma conclusão em comum aponta a todos: a Mercedes sobra com relação ao restante das rivais. Embora a Red Bull tente manter a esperança para 2021, o chefe Christian Horner crê que o carro mais completo da Mercedes na última década é exatamente o deste ano.

Após uma temporada com problemas aerodinâmicos e de confiabilidade do motor Honda para a Red Bull, é difícil imaginar que, com as mesmas regras no ano que vem, alguma coisa será diferente. O que resta para a equipe austríaca é trabalhar no conjunto, porque não há maneira instantânea de cortar a diferença.

“Não há bala de prata. Precisamos melhorar em todas as áreas do carro, então toda a equipe, assim como a Honda, está focada nisso. A Mercedes fez um trabalho muito bom nesse ano. É, provavelmente, o carro mais completo dos últimos seis ou sete anos. Colocaram o sarrafo muito no alto, mas é aí que temos de mirar”, disse Horner à revista inglesa ‘Autosport’.

O que o chefe não quis responder efetivamente, entretanto, foi se a Red Bull ou a Honda terá de ser responsável pela maior recuperação.

“É sempre uma combinação. É uma questão de trabalharmos juntos e com os mesmos objetivos, que é o que já acontece. Estou confiante que, coletivamente, podemos chegar lá. A Mercedes teve um enorme período de domínio, mas, como sabemos, no esporte, em algum momento, isso chega ao fim. É inevitável”, apontou.

O trabalho será intenso neste fim de ano, uma vez que o carro atual servirá de base para o modelo de 2021.

“Claro que este carro atual é a base para o ano que vem. Há mais ou menos 60% do mesmo carro, então, obviamente, estamos trabalhando duro para entender e tirar mais desempenho do carro entre agora e o fim do ano. São mais ou menos três meses de desenvolvimento, e toda equipe está focada nisso”, finalizou.

Atualmente, a Red Bull tem 192 pontos no Mundial de Construtores e ocupa o segundo lugar. São impressionantes 86 tentos de vantagem para a McLaren, terceira colocada, mas 172 de desvantagem para a Mercedes.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube