Sem nem ter largado em Silverstone por conta de problemas de câmbio, Nasr diz que podia ter brigado “por alguns pontos”

Felipe Nasr segue numa sequência ingrata após um começo de temporada muito acima do esperado. Neste domingo (5), na Inglaterra, Nasr levava a Sauber ao grid de largada quando o carro travou. Problema na caixa de câmbio, e o brasileiro sequer largou

Felipe Nasr não teve uma classificação no sábado e neste domingo (5), ainda pior, sequer conseguiu levar o carro para o grid e largar. Um problema na caixa de câmbio fez a Sauber travar ainda no caminho para a largada e foi isso. Fim de GP da Inglaterra para ele neste domingo (5) sem nem participar da brincadeira vencida por Lewis Hamilton.

Em uma temporada que começou muito bem, Nasr tem sofrido com problemas diversos nas últimas semanas. Os freios vinham o mantendo longe da briga por pontos no Canadá e na Áustria. Agora, o câmbio. O companheiro de Nasr, Marcus Ericsson, saiu na 15ª posição e chegou em 11º numa Sauber que se vê caindo no desempenho e consistência em relação às rivais.

Siga o GRANDE PRÊMIO no INSTAGRAM
e fique ligado para concorrer a PRÊMIOS
 

Felipe Nasr fica parado no meio da volta de alinhamento no grid em Silverstone (Foto: Reprodução/Twitter)

 "Tentei reiniciar o carro na pista, e depois que trouxemos o carro na garagem tentamos todo o possível, mas foi um problema no câmbio e viram que não poderiam fazer mais nada. Dependemos desses fatores que não dá para controlar, mas quanto antes as atualizações chegarem poderemos nos aproximar do pelotão do meio", disse em entrevista à 'Rádio Bandeirantes'.

Embora Ericsson não tenha pontuado e a Sauber viva dias difíceis, Nasr falou que podia ter brigado para conquistar mais alguns pontos – que não vem desde Mônaco.

"Quando vejo uma corrida tão tumultuada, com tanta oportunidade, poderia estar lá brigando por alguns pontos", finalizou.

A próxima etapa do Mundial de F1 acontece no fim do mês, na Hungria, no dia 26 de julho. Em 2014, a vitória foi de Daniel Ricciardo com a Red Bull.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube