Silverstone confirma que vai receber bateria de treinos com jovens pilotos entre 17 e 19 de julho

O circuito britânico vai receber novamente o teste com jovens pilotos dez dias depois da realização do GP da Alemanha, no meio de julho. A informação foi divulgada pelo próprio Twitter de Silverstone. As equipes devem definir quem vai testar na Inglaterra em breve

Silverstone vai receber a bateria de testes com jovens pilotos da F1 entre 17 e 19 de julho. A informação foi publicada pela própria administração do circuito, por meio de sua conta no Twitter, na última terça-feira (12). A sessão terá início dez dias após a realização do GP da Alemanha, em Nürburgring.

Em 2012, logo após o GP da Inglaterra, três equipes realizaram seus treinos com novatos em Silverstone: Williams, Marussia e HRT. Boa parte daquela sessão, no entanto, acabou sendo perdida porque choveu demais — como de costume — na região do circuito.
Silverstone receberá novamente os testes com jovens pilotos em 2013 (Foto: Silverstone/Twitter)

A lista de equipes que vai fazer parte dos testes com novatos em Silverstone deve ser anunciada em breve. Force India, Mercedes e Ferrari testaram em Magny-Cours, enquanto o restante das escuderias seguiu o padrão dos últimos anos e realizou seus treinos com jovens pilotos no circuito de Marina de Yas, em Abu Dhabi.

Muito provavelmente, 2013 será o último ano de realização dos testes com jovens pilotos, já que uma proposta apresentada pelo Grupo de Trabalho Esportivo da FIA (Federação Internacional de Automobilismo) às equipes compreende a previsão de quatro baterias de treinos coletivos durante a temporada. A proposta, aprovada por oito das 11 equipes do grid, prevê também o fim dos testes com jovens pilotos já a partir do ano que vem.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube