Toro Rosso define substituto de Gasly e promove estreia de Hartley no fim de semana do GP dos EUA

A Toro Rosso anunciou nesta sexta-feira que vai com Brendon Hartley para a disputa do GP dos Estados Unidos, que acontece no próximo fim de semana. A notícia vai ao encontro com a informação publicada na última quinta-feira pela imprensa britânica, que colocava o neozelandês como favorito à vaga de Pierre Gasly, que vai disputar a decisão da Super Formula japonesa, em Suzuka

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

É mesmo Brendon Hartley o piloto responsável por substituir Pierre Gasly no fim de semana do GP dos Estados Unidos, que acontece no próximo fim de semana (20 a 22 de outubro) no Circuito das Américas. A improvável ascensão do neozelandês de 27 anos como titular da Toro Rosso no Texas foi confirmada nesta sexta-feira (13) pela equipe de Faenza. A nova mudança na dupla de pilotos acontece porque Gasly vai disputar o título da Super Formula japonesa no mesmo período, em Suzuka, como exigência da Honda. Hartley, que é titular da Porsche no Mundial de Endurance e corre neste fim de semana as 6 Horas de Fuji, vai formar dupla com Daniil Kvyat, que volta ao grid da F1 em Austin. É o primeiro neozelandês na F1 desde 1984, quando Mike Thackwell disputou o GP do Canadá daquele ano.

A notícia sobre a promoção de Hartley como piloto da Toro Rosso no Texas foi publicada na última quinta-feira pela revista britânica 'Autosport', que colocava Sébastien Buemi como segunda opção, porém bem mais improvável.

 
Piloto da Red Bull, Hartley não é totalmente ‘virgem’ em termos de experiência com a F1. Há oito anos, o neozelandês chegou a testar pela Red Bull e também pela Toro Rosso, na esteira de uma carreira que percorreu a World Series e a GP2 (atual F2), mas que se solidificou mesmo no Endurance com a Porsche. A última vez que Hartley pilotou um carro de F1 foi pela Mercedes, em 2012.
Brendon Hartley vai disputar o GP dos EUA pela Toro Rosso (Foto: Red Bull Content Pool)
Em 2015, Hartley conquistou o título do Mundial de Endurance ao lado de Mark Webber e Timo Bernhard. Neste ano, o piloto venceu a icônica edição das 24 Horas de Le Mans e está muito perto de faturar o bicampeonato do WEC neste fim de semana. Hartley vive grande fase e recentemente ajudou sua tripulação a vencer as 6 Horas do México e as 6 Horas dos EUA, onde vai fazer seu debute na F1. O piloto também triunfou na Petit Le Mans no último fim de semana em prova válida pelo SportsCar. 

Em seguida, após a etapa de Fuji, Hartley cruza o Pacífico para correr no GP dos EUA, onde pode firmar carreira a partir do ano que vem, sendo um dos pilotos da Ganassi na Indy, formando dupla com o compatriota Scott Dixon.
Brendon Hartley vem em grande fase com vitórias recentes no Endurance (Foto: Red Bull Content Pool)

Prestes a fazer sua estreia na F1, Hartley só teve motivos para comemorar. “Essa oportunidade vem de forma surpreendente, mas eu nunca desisti do meu sonho de criança de alcançar a F1. Eu cresci e aprendi muito desde os dias de reserva de Red Bull e Toro Rosso, e os anos difíceis que enfrentei me tornaram mais forte e determinado", declarou.

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

"Quero agradecer a todos na Red Bull, por transformar isso em realidade, e na Porsche, por permitir que eu faça isso ao lado do Mundial de Endurance. O Circuito das Américas é uma pista que eu gosto bastante e onde já corri recentemente. Não quero criar expectativas para minha estreia, mas me sinto pronto”, garantiu Brendon.

O neozelandês chega com a bênção de Franz Tost, chefe da Toro Rosso. “Estamos muito felizes por ter Hartley de volta à equipe. Com toda a experiência acumulada ao longo dos anos, temos convicção de que ele vai fazer um trabalho fantástico”, exaltou o dirigente austríaco.

’EXTRAORDINÁRIO’

DI GRASSI VÊ HAMILTON COMO UM DOS TRÊS MAIORES DA HISTÓRIA

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube