Unilever deixa Williams e firma parceria tecnológica com McLaren para 2020

Multinacional anglo-holandesa estava com a Williams desde 2015. Contrato com a McLaren prevê parceria tecnológica, com investimentos em programas de engenharia, tecnologia de sensores e outros

Após cinco temporadas com a Williams, a Unilever trocou de equipe na Fórmula 1. Com o fim do contrato com o time de Grove, a empresa inglesa firmou vínculo com a McLaren, que foi quarta colocada no Mundial de Construtores em 2019.
 
A parceria com o time de Woking não será apenas de patrocínio, mas também tecnológica, buscando desenvolvimentos em engenharia para melhora de performance e eficiência de energia em áreas como modelagem de fluidodinâmica computacional.
 
"McLaren e Unilever são duas organizações com reputação global de inovação, inspiração e liderança na indústria tecnológica. Por mais de 50 anos, a McLaren foi inovadora em engenharia e a força para desenvolvimentos tecnológicos e pioneira em inovações", declarou Zak Brown, diretor-executivo da McLaren.
Rexona é uma das marcas da Unilever (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
O vínculo das empresas também terá investimentos para aprimorar recursos em áreas como tecnologia de sensores, e buscar talentos em programas de inclusão e a criação de uma academia de engenharia.
 
"Esta parceria nos permite compartilhar conhecimento e experiência entre duas organizações globais, desenvolvendo áreas integrais para os dois negócios. Estamos ansiosos para começar esta parceria em 2020", completou Brown.
 
A temporada 2020 da Fórmula 1 tem início entre os dias 13 e 15 de março, com o GP da Austrália.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube