Verstappen diz que deixou pole escapar por erro, mas celebra 2º lugar na Alemanha

Max Verstappen está bem feliz com o segundo lugar no grid de largada do GP da Alemanha, capitalizando em cima do dia horrendo da Ferrari. Entretanto, o holandês não deixa de se lamentar por um erro na volta decisiva do Q3

Max Verstappen teve uma classificação positiva, mas que poderia ir ainda além. O holandês, segundo melhor neste sábado (27) em Hockenheim, lamenta que um erro na volta rápida tenha impedido briga mais direta com Lewis Hamilton, dono da posição de honra.
 
Verstappen foi 0s346 mais lento do que Hamilton. Na visão do holandês, esse foi o tempo perdido apenas com uma escapada na curva 8, na aproximação do trecho do estádio.
 
“Eu comecei meio conservador no Q1. Perdi um pouco de grip no Q3, mas de qualquer forma foi bom ver tantos fãs holandeses aqui”, disse Verstappen. “É bom estar na primeira fila, veremos o que vai acontecer amanhã. Sinto que a gente poderia levar a pole, mas escapei na curva 8. Como eu disse, ainda é um bom resultado”, seguiu.
Max Verstappen (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Verstappen ao menos derrotou a outra Mercedes, de Valtteri Bottas. A disputa entre os dois se saiu apertada para valer: o finlandês foi somente 0s016 pior do que o holandês no Q3.
 
Verstappen foi um dos beneficiados pela catástrofe da Ferrari no treino classificatório. A equipe italiana perdeu Sebastian Vettel no Q1 e Charles Leclerc no Q3, ambos com problemas mecânicos. Dessa forma, o que aparentava ser uma briga pela terceira fila passou a ser garantia de segunda para a dupla taurina.
 

Paddockast #26
Acidentes que alteraram carreiras

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube