Verstappen vê “dia não muito representativo” após chuva em Interlagos

Em um treino, pista molhada. No outro, seca. Um dia com variações no clima em Interlagos faz com que Max Verstappen praticamente descarte tudo que foi feito nesta sexta-feira em relação a classificação de sábado

Pela manhã desta sexta-feira (15), Interlagos viu a maior parte do primeiro treino livre para o GP do Brasil em pista molhada. Já pela tarde, o asfalto esteve seco por grande parte da hora e meia de prática.

Com essa variação, Max Verstappen não vê motivo para fazer previsões para o próximo sábado, quando ocorre a classificação em São Paulo. Para o holandês, os tempos do primeiro dia de atividades são praticamente descartáveis. Foi o que ele disse em entrevista acompanhada pelo GRANDE PRÊMIO

"Não acho que você possa confiar nos tempos de volta de hoje. As três equipes da ponta estão muito próximas uma das outras. Vai depender de como estará a pista amanhã. Então, hoje, foi bom apenas poder pilotar um pouco", comentou o #33. 

Verstappen não anotou tempo no TL1, quando chegou a i para a pista no final da sessão, mas sofreu escapada; já no TL2 ficou atrás apenas das Ferrari, em terceiro. 

Max Verstappen (Foto: Rodrigo Berton/Grande Prêmio)
Paddockast # 42
QUEM É VOCÊ NO GP DO BRASIL?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Por isso, foi questionado sobre se é possível pensar em pole. Mas manteve o discurso: qualquer previsão pode ser 'furada'. 

"Não sei no momento se é possível (a pole). É complicado. O clima, as condições de hoje serão diferentes do que serão no sábado e no domingo, então não acho que foi um dia muito representativo", concluiu.

GRANDE PRÊMIO cobre in loco o GP do Brasil com os jornalistas Evelyn Guimarães, Felipe Noronha, Fernando Silva, Flavio Gomes, Gabriel Carvalho, Gabriel Curty e Pedro Henrique Marum, e o fotógrafo Rodrigo Berton. Acompanhe todo o noticiário aqui e tudo dos bastidores e das atividades em pista AO VIVO e em TEMPO REAL.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube