Vettel prega respeito, vê rival Hamilton favorito ao título em 2018, mas avisa: “Batê-lo seria minha maior satisfação”

Em uma quase reverência ao rival na última temporada, Sebastian Vettel evitou falar sobre os pontos fracos de Lewis Hamilton e disse que sua meta é ser campeão com a Ferrari e bater os melhores, como o britânico. Seb apontou Hamilton como o favorito neste começo de temporada

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

A primeira entrevista coletiva oficial da temporada 2018 da F1 foi marcada por risos, descontração e também por reforçar o respeito que Sebastian Vettel e Lewis Hamilton nutrem um pelo outro. E isso ficou evidenciado nas palavras dos dois nesta tarde de quinta-feira (22) em Melbourne, palco do GP da Austrália deste fim de semana. O piloto da Ferrari e tetracampeão como Hamilton evitou listar pontos fracos do rival e se mostrou ansioso para voltar a lutar pelo título. Seb vê no britânico o favorito natural ao campeonato, ao menos neste começo de temporada, mas também ressaltou a vontade de superar aquele que considera ser um dos grandes da história da F1.

 
Ao ser questionado sobre quais os pontos fracos do rival, Vettel novamente mostrou respeito pelo adversário. “Não há muitos. Acho que ele tem feito um trabalho muito bom para estar à frente. Todos nós temos nossos pontos fracos, é parte do que somos, da nossa personalidade, do nosso estilo de pilotagem, mas não penso nos dele”, salientou.
Lewis Hamilton e Sebastian Vettel mostraram respeito mútuo nesta quinta-feira (Foto: AFP)
“Penso nas minhas fraquezas, para melhorar, é o que devo fazê-lo. Não cabe a mim [apontar os pontos fracos do rival], de modo que simplesmente tento fazer o meu. Talvez as largadas… Todos temos um ponto fraco”, apontou.
 
A respeito de quem começa 2018 em vantagem, Seb não teve dúvidas. “Hamilton é o favorito, obviamente, mas é uma temporada muito longa. Esta é tão somente uma corrida. E Melbourne é muito particular, muito especial”.
 
“Mas estou ansioso para começar a temporada, colocar o carro lá e competir. Temos todos os motivos para ter confiança. Nesses motivos é impossível determinar onde estão os demais. Mas estamos em um bom lugar. Sempre podemos estar melhor, mas sempre é assim. Há muitas corridas pela frente, então temos de ver”, disse o piloto. Em 2017, a Mercedes também começou o ano como favorita, mas foi Vettel quem venceu o GP da Austrália.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Vettel vai para sua quarta temporada como piloto da Ferrari. E tem em mente que para alcançar seu principal objetivo representando a cor vermelha de Maranello será necessário bater Hamilton, um dos grandes da F1, na visão do próprio Sebastian. “Ainda estou buscando a maior satisfação, que é ser campeão com a Ferrari e bater os melhores. Há muitas estatísticas que demonstram que Hamilton é dos melhores”, afirmou o tetracampeão, ciente que nem ele e tampouco o rival chegaram ao ápice da carreira. 

 
“Não sei se cheguei ao meu limite. Lewis é um pouco mais velho que eu e ele diz que não chegou, de modo que imagino que eu também não”, finalizou.

#GALERIA(8333)
 

”RECOMEÇA A BRIGA”

MERCEDES COMEÇA TEMPORADA AINDA À FRENTE DA FERRARI

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube