Vídeo aponta estouro no pneu como razão do acidente de Kvyat na Inglaterra

Daniil Kvyat se sentiu culpado pelo acidente na Inglaterra, mas foi à toa. A AlphaTauri já tinha avaliado que a causa provável fora um furo de pneu, o que um vídeo confirmou nesta segunda-feira (3) e aumentou a preocupação com relação aos pneus

Imediatamente após o acidente no GP da Inglaterra, Daniil Kvyat, que vivia bom momento e já tinha conquistado seis posições, desculpou-se no rádio como quem assumia culpa pelo que aconteceu. Entretanto, não foi exatamente o caso. Um vídeo posto nas redes sociais nesta segunda-feira (3), mostrou o pneu traseiro direito do russo murchando e causando a perda de controle do bólido.

Kvyat acabou escapando da pista e batendo o carro, abandonando a prova e trazendo um safety-car demorado para o traçado.

Ainda na noite do domingo, a AlphaTauri apontou que havia encontrado cortes nos pneus de seus dois pilotos – Pierre Gasly foi sétimo colocado – e que “provavelmente” o problema do russo foi iniciado por um furo.

“Achei que a culpa fosse minha, mas depois de rever o vídeo notamos que alguma coisa fora do meu controle aconteceu. Precisamos checar as informações para entender o que causou isso”, disse Daniil horas após a prova.

Agora, o vídeo deixa claro que esse foi mesmo o caso. O que coloca a Pirelli no centro de uma discussão importante, uma vez que a categoria volta ao traçado de Silverstone na semana que vem para nova corrida.

Com Kvyat, são quatro furos de pneu no GP da Inglaterra. O mais dramático, claro, o de Lewis Hamilton a duas voltas do fim; um pouco antes, Valtteri Bottas passou pelo mesmo; Carlos Sainz também sofreu nos momentos finais. Já Max Verstappen parou para trocar os pneus com duas voltas por fazer e, segundo a Red Bull, foi uma questão de sobrevivência por acreditar que também podia sofrer com um furo.

O GP dos 70 Anos é a etapa que mantém o campeonato em Silverstone por mais uma semana.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube