Feliz por controlar ritmo, Bottas vibra com ‘combo pole/vitória’ em Abu Dhabi: “Não poderia terminar melhor”

Valtteri Bottas levou vantagem do GP de Abu Dhabi ser novamente daqueles onde quase nada acontece. Sem nenhum ataque muito forte de Lewis Hamilton ou investida de Sebastian Vettel, ele somente levou o carro ao fim

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Nada aconteceu no GP de Abu Dhabi deste domingo (26). Desta forma, Valtteri Bottas partiu para a terceira vitória e última na temporada 2017 que findou. O finlandês termina a primeira temporada dele pela Mercedes no Mundial de F1 47 pontos atrás de Lewis Hamilton. É melhor que Nico Rosberg conseguiu em 2014 e 2015.

Bottas é quem merece alguns elogios nesta prova. Afinal, depois de ter 'roubado' a pole das mãos de Hamilton, soube andar na frente como outros pilotos não conseguiram na mesma situação – Max Verstappen, por exemplo, se arriscou demais quando andou solo na frente. Soube ganhar, portanto, até quando viu Lewis no retrovisor.
 
"É muito importante vencer depois de ter tido uma segunda metade de ano bem difícil. Trabalhei duro em todos os problemas e melhorei cada vez mais em todos os aspectos. neste fim de semana, com uma pole e vitória, eu não poderia estar mais feliz de terminar a temporada desta forma", avaliou. 
Valtteri Bottas (Foto: AFP)

"Novamente, parabéns a Lewis pelo título e a Sebastian pelo vice-campeonato mundial. Sou terceiro neste ano e espero estar melhor que isso ano que vem", seguiu.

 
"Eu controlei o ritmo da corrida, isso foi muito legal. Travei as rodas quando me aproximei de um retardatário, mas fora isso não tive problemas. Nas últimas cinco voltas eu tive de ir mais rápido e abri vantagem. O carro estava ótimo, e agradeço muito ao time", encerrou.

A F1 agora sai de férias e volta no fim de fevereiro com a primeira sequência de testes coletivos de pré-temporada em Barcelona. Depois, no último fim de semana de março, o GP da Austrália trará a corrida de abertura da temporada 2018.

“CHORAVA COMO UM BEBÊ”

FÉLIX DA COSTA REVELA TRISTEZA APÓS PERDER CHANCE NA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height:
0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute;
top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube