W Series apoia Ferrari em busca de pilota para Academia: “Temos de aplaudir”

A Ferrari revelou o desejo de ter pilotas na academia da equipe no futuro. Catherine Bond Muir, chefe da W Series, aplaudiu a atitude do time italiano e afirmou que não merece críticas

A W Series elogiou a iniciativa da Ferrari em querer incluir pilotas na Academia de Pilotos no futuro. Catherine Bond Muir, chefona da categoria, afirmou que a atitude do time deve ser visto com bons olhos e tirou o chapéu.
 
Mattia Binotto, quem comanda a escuderia de Maranello, afirmou que o programa de incentivo a jovens competidores vai crescer em 2020. Ainda, o italiano apontou a vontade de ter mulheres como parte da academia.
 
Entretanto, a declaração do dirigente provocou algumas respostas não positivas nas redes sociais. Uma que chamou a atenção foi a da pilota Sophia Flörsch, que escreveu em seu Twitter que vê a atitude como apenas uma forma de promoção.
Catherine Bond Muir (Foto: Reprodução)

“Que discussão. É esse o espírito das pessoas modernas? Enquanto formos apenas marketing nas corridas nada vai mudar. Temos que provar que somos iguais. Provar o conceito. Como Michele Mouton”, disparou.
 

Entretanto, Catherine tem uma visão diferente da alemã, mostrando apoio a Ferrari. “Claro que espero que a pilota venha da W Series. Sei que a Ferrari encarou algumas críticas nas mídias sociais, mas o que precisamos lembrar é que se pensarmos um ano atrás, não havia muitas mulheres envolvidas no esporte a motor de alto nível”, disse.
 
“Se olhar para trás para o tempo que passava escrevendo sobre mulheres no automobilismo era muito, muito menos tempo do que hoje em dia. Acredito que temos de aplaudir. O que está acontecendo é que a maré esta crescendo para as mulheres, acho que o que a Ferrari está fazendo é tentar aumentar ainda mais”, seguiu.
 
“Não acho que é apenas um plano de marketing, eles realmente, genuinamente querem ver se conseguem colocar uma mulher na Fórmula 1, se conseguem atrair uma grande estrela para coloca-la em sua academia e então ser a primeira equipe a coloca-la na F1. Então tiro meu chapéu”, concluiu.
 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube