Tsunoda lamenta calendário “duro”, mas se anima com Interlagos e churrasco brasileiro

Yuki Tsunoda estreia em solo brasileiro no fim de semana e, apesar da rodada tripla da F1, está animado em conhecer a casa da prova brasileira

MERCEDES E RED BULL VOLTAM A SE CUTUCAR + ENTREVISTAS EM SÃO PAULO | Paddock GP #266

O período de dois anos sem corrida no Brasil criou um grupo de pilotos grande que apenas estreia em Interlagos no fim de semana do GP de São Paulo. Entre eles, Yuki Tsunoda. O japonês está empolgado com a possibilidade de conhecer a tradicional pista brasileira e fazer mais no país, como comer um churrasco, por exemplo.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

De acordo com Tsunoda, em entrevista exclusiva ao GRANDE PRÊMIO, Interlagos tem história e características que a tornam extremamente interessante para quem ainda nunca acelerou no traçado. O Brasil tem mais a oferecer ao piloto da AlphaTauri, como ele mesmo afirma.

“É uma pista muito empolgante e muito especial, principalmente por algumas subidas, descidas e inclinações, o que é bem legal. Estar pela primeira vez numa pista é sempre bom, então estou ansioso”, disse o primeiro piloto da F1 nascido nos anos 2000.

Quando perguntado sobre o mundialmente famoso churrasco brasileiro, Yuki se mostrou ansioso em provar a iguaria. “Ainda não experimentei aqui, acredita? Só cheguei ontem, então não tive tempo, mas certamente vou provar. Mas gosto muito da carne brasileira, é a minha favorita”, confessou.

Yuki Tsunoda vai estrear em Interlagos (Foto: Red Bull Pool Content/Getty Images)

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O GP de São Paulo é o segundo de mais uma rodada tripla na temporada, mas esta com contornos dramáticos. O deslocamento entre México, Brasil e Catar é bastante importante e já causou problemas: aviões cargueiros ficaram presos em Miami e atrasaram para chegar a São Paulo. Mas para Tsunoda, no alto dos seus 21 anos, o cansaço com tantos voos longos não chega a ser uma preocupação.

“Seria legal se a rodada tripla fosse em Catar, Arábia Saudita e Abu Dhabi. Faria mais sentido que México, Brasil e Catar, porque são muitos voos. As rodadas triplas são duras, mas são pistas novas para mim, então por isso é empolgante”, colocou.

“Especialmente do Brasil para o Catar vai ser complicado. Não é fácil, mas dá pra sobreviver”, finalizou.

O GRANDE PRÊMIO acompanha o GP de São Paulo ‘in loco’ em Interlagos com os jornalistas Fernando Silva e Gabriel Curty, além de toda equipe de maneira remota. O GP também segue todas as atividades de pista do fim de semana AO VIVO e EM TEMPO REAL.

Paddockast #129: Tudo que você precisa saber sobre o GP de São Paulo
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar