Em adaptação à F2, Fittipaldi põe pódio como meta para Arábia Saudita ou Abu Dhabi

Enzo Fittipaldi vem se adaptando a mais uma nova categoria. Chegando na Charouz com a F2 2021 já em andamento, o brasileiro tenta um pódio ainda no primeiro ano

Enzo Fittipaldi vive uma temporada em que se adaptar rapidamente nunca foi tão necessário. Após começar 2021 na Pro 2000, no Road to Indy, o brasileiro recebeu uma chance com a Charouz na Fórmula 3, impressionou o time tcheco e, ainda com a temporada em andamento, foi promovido pela equipe para a F2, tendo bom rendimento na Itália e na Rússia. Agora, enfrenta as rodadas triplas da Arábia Saudita e de Abu Dhabi para encerrar o ano.

Em entrevista exclusiva ao GRANDE PRÊMIO, Fittipaldi falou de como teve de se adaptar rapidamente à F2. De uma hora para outra, o jovem piloto estava em um carro mais potente, mais pesado e enfrentando um grid mais qualificado. Mesmo assim, a resposta imediata veio em Monza, figurando nas primeiras colocações.

“Fiz minha estreia em Monza, foi muito bom. Nunca tinha guiado um carro daquele tamanho, tive 40 minutos para me adaptar ao carro. Mas foi bom, na terceira corrida estava andando entre os cinco e tomei punições por unsafe release, coisas que fogem do controle. Fui 11º, mas podia ter ficado entre os cinco. E fomos melhorando na Rússia, consegui fazer muitas ultrapassagens, estou me adaptando bem ao carro”, disse.

O piloto de 20 anos espera ter chances em Jedá. É que a pista nova meio que coloca todo mundo com o mesmo status, desbravando o novo traçado. Para Fittipaldi, um pódio nas seis corridas restantes, entre Arábia Saudita e Abu Dhabi, seria o ideal para ganhar mais confiança para 2022.

ENZO FITTIPALDI; CHAROUZ; F3; FÓRMULA 3;
Enzo Fittipaldi fez boa parte da temporada 2021 na F3 e agora segue na F2 com a Charouz (Foto: Dutch Photo Agency/RF1)

“Agora tem Arábia Saudita e Abu Dhabi. É um período de muita preparação em simulador, é uma pista que ninguém guiou, é nova. Então, ninguém sabe ainda exatamente como vai ser a pista. Para mim, isso é melhor, estou na mesma situação que todo mundo. Terei depois Abu Dhabi, também que não conheço, mas ao menos na Arábia Saudita está todo mundo na mesma. É fazer o melhor possível, ainda me adaptando ao carro, mas a meta é tentar pegar um pódio até o fim da temporada”, completou.

Enzo ocupa a 23ª colocação na classificação geral da F2 2021. O brasileiro fez só duas etapas até agora, se destacando pelo ritmo de corrida na Itália e na Rússia. O foco do jovem piloto, inclusive, está em seguir na categoria, agora em tempo integral, em 2022.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

LEIA TAMBÉM
+Honda recomenda troca de motor para Verstappen, mas Red Bull quer evitar punição

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar