“Progredindo lentamente”, Correa levanta pela primeira vez após acidente na F2

Por meio das suas redes sociais, Juan Manuel Correa postou um curto vídeo no qual levanta pela primeira vez depois do trágico acidente sofrido no fim de agosto, em Spa-Francorchamps, e que culminou com a morte de Anthoine Hubert. O norte-americano de origem equatoriana vem recebendo a visita de muitos pilotos em Londres, onde está internado

Quase dois meses após o trágico acidente em que se envolveu na corrida 1 da Fórmula 2 em Spa-Francorchamps, que culminou com a morte precoce de Anthoine Hubert, Juan Manuel Correa evoluiu mais um pouco no seu processo de recuperação em razão das graves lesões sofridas. O norte-americano de origem equatoriana, que chegou a estar em estado crítico dias após a tragédia, segue o processo de recuperação e continua internado em um hospital de Londres.

 
Na última quarta-feira (23), Correa, por meio das suas redes sociais, publicou um vídeo no qual mostra mais uma parte do seu processo de recuperação. “Primeira vez em pé. Progredindo lentamente”, diz a legenda do curto vídeo postado pelo piloto.
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

First time standing up ? slowly progressing

Uma publicação compartilhada por Juan Manuel Correa (@juanmanuelcorrea_) em

23 de Out, 2019 às 2:36 PDT

 
Correa não chega a caminhar. Auxiliado por enfermeiros, o piloto foi perguntado sobre como se sentia após se levantar. “Horrível”, disse, antes de rir e sentar novamente.
 
O norte-americano tomou a decisão de não amputar o pé direito, gravemente lesionado no acidente, e optou pelo procedimento cirúrgico de reconstrução do pé e da perna. A operação, realizada há pouco mais de um mês, durou 17 horas.
 
A família de Correa já prepara sua transferência para Miami, nos Estados Unidos, para dar sequência à sua recuperação, com duração prevista de 10 a 12 meses. Semanas atrás, o piloto falou um pouco a respeito do acidente trágico na Bélgica. “Já vimos o que aconteceu, mas sou otimista porque não há nada mais o que possa fazer. Prefiro isso a estar deprimido. Vou atualizar a todos de tudo o que acontecer”, escreveu.
 
Neste período em que está internado em Londres, Correa vem recebendo a visita de vários pilotos, muitos deles que vivem na capital britânica e nas cercanias, como Alexander Albon e Sophia Flörsch.

Paddockast #38
CORRIDAS POLÊMICAS DA F1

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube