F-E aumenta em uma volta corridas da segunda temporada para dificultar gestão de energia, diz revista

A F-E volta no próximo final de semana e volta com novidades. Uma delas, a mais recente, é o acréscimo de uma volta nas corridas para desafiar pilotos e equipes no controle da energia utilizável

A F-E quer aumentar os desafios para equipes e corridas na segunda temporada da categoria. Para os espectadores, a diferença vai ser quase desprezível, no entanto. O eP de Pequim terá 26 voltas em vez de 25 ano, algo que a F-E planeja estender para as próximas provas.
 
A informação é da revista inglesa 'Autosport'. O acréscimo de apenas uma volta pode não parecer importante, mas vai forçar os pilotos a aumentar os cuidados e poupar energia. É verdade que o pico de energia utilizável durante a corrida cresceu em 20 kw, mas as baterias da Williams seguem iguais.
O novo carro da Andretti (Foto: Reprodução/Twitter)
Para o chefe da Andretti, Roger Griffiths, a mudança vai ter um impacto bem importante.  
 
"Vai influenciar como as corridas vão ser disputadas, porque eles vão forçar ainda mais forte para chegar ao final. Temos uma distância maior, mas a mesma quantidade de energia – então vai ser um desafio. Sim, você vai querer fazer uso de 170 kw, mas você tem que ser cuidadoso, de outra forma vai acabar a energia. O controle de energia vai ganhar grande ênfase. Aumentar as corridas fazem do desafio ainda maior", disse.
 
"Isso vai ser bem desafiador. Não seria possível na temporada passada andar a 150 kw continuamente, você precisava fazer coast. De qualquer forma, você estava usando energia num nível muito alto ou estava superaquecendo", encerrou.
 
Griffiths sabe que a mudança pode favorecer a Andretti, de alguma forma, assim como a Aguri. As duas vão manter o trem de força da Spark na temporada vindoura. Em seu segundo ano, provavelmente os times terão mais experiência com este trem de força do que as rivais terão com os novos. 

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube