Renault contraria expectativas e adota trem de força de apenas um motor na segunda temporada da F-E

A Renault optou por utilizar uma configuração de um único motor no trem de força que vai equipar os carros da e.dams na segunda temporada da F-E, que começa em outubro. Segundo explicou Vincent Gaillardot, gerente de programação técnica da marca, é uma questão de segurança por se tratar o primeiro ano de desenvolvimento

O trem de força desenvolvido pela Renault para a e.dams na temporada 2015-16 da F-E vai ter apenas um motor. A expectativa era que a equipe francesa utilizasse a configuração de dois motores, mas a possibilidade foi rechaçada.
 
O gerente de programação técnica, Vincent Gaillardot, foi quem confirmou a informação. Segundo ele, se trata de uma abordagem de controle de risco que o time preferiu abordar já que é apenas a primeira temporada de desenvolvimento.
 
"Sim, vamos ter um motor, e temos alguns câmbios. Por ser a primeira temporada de desenvolvimento, você precisa se resguardar de alguma forma. Tenho certeza que na terceira temporada vamos ver especificações se tornarem mais comuns a todos os competidores", disse ao site inglês 'Motorsport.com'.
Nicolas Prost e Sébastien Buemi vão de um motor (Foto: F-E)
"Alguns câmbios", segundo o site, significa que a equipe vai usar um sistema operacional multi-marcha com a nova caixa de câmbio. 
 
Além disso, esta nova caixa de câmbio mantém a colaboração com a especialista em sistemas elétricos Zytek. A companhia também está envolvida no trem de força da Renault, entre outras coisas na finalização do inversor.
 
"Temos muito know-how em sistemas elétricos desde o que fizemos na F1 e meu trabalho anterior por mais de uma década para construir um time completo de desenvolvimento da tecnologia elétrica", seguiu.
 
"Eu especificaria como nós trabalhamos com a Zytek é realmente em co-desenvolvimento e estamos próximos um do outro. É uma colaboração muito esperta", encerrou Gaillardot.

A temporada começa em 17 de outubro, em Pequim.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube