Rowland aproveita batida entre Vandoorne e Abt e vence eP de Berlim virtual

O piloto da Nissan vinha confortavelmente em terceiro quando Daniel Abt empurrou Stoffel Vandoorne para fora no cotovelo e atrasou o contorno da curva para ambos. Rowland tomou a dianteira e não perdeu mais. Atrás, Pascal Wehrlein e Maximilian Günther também se encontraram


 
Após duas vitórias de Maximilian Günther e outras duas de Pascal Wehrlein, as corridas de simulador da Formula E Race at Home contou com um novo vencedor na tarde deste sábado (23): Oliver Rowland. Na pista do eP de Berlim, o inglês da Nissan se valeu de uma colisão de quem estava na frente para tomar a dianteira e caminhar para a vitória.
 
E quem estava na frente? Um dos pilotos era Daniel Abt e o outro era, quem mais?, Stoffel Vandoorne. O belga largou na pole pela terceira vez em cinco etapas e também pela terceira vez bateu e deixou a briga pela vitória. 
 
Vandoorne largou bem, mas tomou cuidado na freada da primeira volta e abriu espaço para o segundo colocado, Abt, atacar. O piloto da Mercedes segurou, mas Abt atacou novamente em seguida. Com muito cuidado, Vandoorne acabou abrindo espaço demais na curva seis e foi ultrapassado por Abt e Rowland. Na volta seguinte, no mesmo ponto, passou o inglês e ficou na segunda posição.


A mesma curva seis foi palco do momento fundamental da corrida na sexta volta: Vandoorne atacou e ultrapassou, mas logo em seguida os dois tocaram e acabaram atrasando o contorno da curva. Foi a oportunidade que Rowland precisava para tomar a ponta. 
 
Rowland seguiu para a vitória e teve Vandoorne em segundo. Abt perdeu ritmo e caiu bem para trás dos dois, mas ainda em terceiro. 
 
A corrida contou também com um toque entre os líderes do campeonato logo na segunda volta. Wehrlein tentou uma manobra por dentro da curva para cima de Günther, mas não deu certo: o alemão da BMW foi parar no muro. Pascal evitou punição e ainda fechou em quarto.
 
Nico Müller e Edoardo Mortara vieram na sequência e Günther, com alguma sorte de não ter abandonado de vez as primeiras posições após a forçada de Wehrlein, foi sétimo. André Lotterer, António Félix da Costa e Mitch Evans fecharam o top-10. 
 
Entre os convidados, Kevin Siggy venceu e se converteu no primeiro a conseguir ganhar duas corridas.
 
A classificação do campeonato conta com Wehrlein ainda líder, com 82 pontos contra 78 de Vandoorne e 71 de Günther. O quarto, Robin Frijns, já está bem atrás: tem 48 tentos. 

Paddockast #62
QUAL O LUGAR DE VETTEL NA HISTÓRIA DA F1?

Ouça: Spotify | iTunes | Android | playerFM

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube