Vancouver ganha aprovação governamental e fica perto de receber Fórmula E em 2022

Anos após Montreal quebrar contrato, Vancouver está na mira da Fórmula E. Projeto foi aprovado por câmara de vereadores local e vínculo entre partes deve ser assinado para realizar eP em 2022

Sem bateria, Da Costa perde potência e liderança na abertura da última volta (Vídeo: Fórmula E)

A Fórmula E pode voltar a sediar uma corrida no Canadá após cinco anos de ausência. A câmara municipal de Vancouver votou a favor de uma parceria da cidade com a empresa One Stop Strategy Group, mesmA responsável por promover uma corrida da categoria elétrica na Suíça para realizar um eP na terceira cidade mais populosa do país a partir de julho de 2022.

O plano da cidade é realizar uma conferência de dois dias para debater sobre temas climáticos e de sustentabilidade, que também envolveriam duas apresentações musicais e o eP da Fórmula E, visando benefício econômico ao município e ajudando na área do turismo, prejudicada pela pandemia. O plano é de produzir cerca de $83,5 milhões (cerca de R$ 445 milhões) em resultado econômico, e buscando criar 3.000 empregos locais.

“Fomos abordados pela Fórmula E para procurar uma cidade para receber uma corrida no Canadá. Decidimos que Vancouver era quem melhor se encaixava. O que estamos oferecendo é algo maior que a Fórmula E”, comentou Matthew Carter, diretor-executivo do OSS Group, ao jornal canadense Daily Hive.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

O projeto da Fórmula E em Vancouver (Foto: Divulgação)

O projeto de traçado pretende usar 56% a menos de vias públicas em comparação com a antiga prova da Indy em Vancouver, realizada entre 1990 e 2004. Assim como na categoria americana, o circuito de rua ficará na região de False Creek e próximo ao estádio BC Place, que recebeu a final da Copa do Mundo de Futebol Feminino, em 2015.

Caso se concretize, será a primeira etapa da Fórmula E no Canadá desde a rodada dupla de Montreal, que encerrou a temporada 2016-17 da categoria elétrica. A prova tinha contrato de três anos, que foi rescindido pela prefeitura local após o resultado financeiro ruim do evento.

O planejamento da Fórmula E é formalizar o contrato para que o projeto avance. Em junho, a categoria deve enviar o calendário da temporada 2021-22, com Vancouver incluída, para a ratificação da FIA.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube