Andretti faz anúncio especial e põe filhos de Wheldon em programa de desenvolvimento

Sebastian, de 12 anos, e Oliver, de 10, entram para programa de desenvolvimento da Andretti, equipe em que Dan venceu as 500 Milhas de Indianápolis e conquistou o título da Indy em 2005

Jimmie Johnson escapou na última curva (Vídeo: Indycar)

No ano em que a morte de Dan Wheldon completa 10 anos, os filhos do campeão de 2005 da Indy e duas vezes vencedor das 500 Milhas de Indianápolis começam a dar os primeiros passos no automobilismo, e agora com um apoio bastante importante.

Sebastian Wheldon, de 12 anos, e Oliver, de 10, entraram para o programa de desenvolvimento de pilotos da Andretti Autosport. Com o apoio do time, eles vão competir em campeonatos de nível nacional do kartismo nos Estados Unidos. Pela equipe, Dan venceu a Indy 500 e conquistou o título de 2005.

“Dan era família para nós, e tivemos muito sucesso juntos na pista. Vejo muito dele tanto em Sebastian quanto Oliver, e estou muito orgulhoso de recebê-los na nossa família. Ninguém vai substituir Dan em suas vidas, mas estamos felizes por oferecer uma rede de orientação para ajudar os garotos a crescerem suas carreiras. O kart é a primeira oportunidade, mas temos esperança de promover oportunidades no Road to Indy e até mesmo na Indycar”, declarou Michael Andretti.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

Dan Wheldon conquistou o título da IRL de 2005 pela Andretti (Foto: Indycar)

Viúva de Dan e mãe da dupla, Susie Wheldon celebrou o importante passo dos filhos. “Sou muito grata por Michael trazer Sebastian e Oliver para debaixo de sua asa. O mundo das categorias de base é difícil de ser navegado, e ter o suporte da Andretti fará toda diferença”, comentou.

Dan correu três temporadas pela Andretti. O piloto chegou ao time em 2003 como substituto de Dario Franchitti, que se lesionou em um acidente de moto. A primeira vitória pelo time veio em Motegi, em 2004, ano que terminou com o vice-campeonato. Em 2005, registrou seis vitórias na temporada, incluindo a Indy 500, e se tornou campeão.

Encerrou a passagem pela Andretti ao assinar com a Ganassi para 2006. Veio a falecer no encerramento da temporada 2011, em Las Vegas, aos 33 anos, em acidente que envolveu diversos carros.

Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Escanteio SP.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar