Bobby Rahal oferece teste a Vettel na Indy: “Adoraria que entrasse em nosso carro”

Bobby Rahal, um dos três donos da RLL, afirmou que adoraria ter o tetracampeão da Fórmula 1, Sebastian Vettel, em um de seus carros para um teste no circuito de Road America

FÓRMULA INDY AMA O’WARD, E ELE TEM DE AMÁ-LA TAMBÉM

Uma crítica de Sebastian Vettel ao circuito de Miami acabou tomando grandes proporções. O alemão afirmou que preferiria que a Fórmula 1 corresse em circuitos de verdade do que na pista nova da Flórida, como o de Road America. A fala do tetracampeão repercutiu no mundo da Indy, e Graham Rahal, piloto da categoria, e seu pai, Bobby, um dos donos da equipe RLL, foram as redes sociais para oferecer um teste para o tetracampeão com um carro da categoria no tradicional traçado.

Depois do GP de Miami da Fórmula 1, o piloto da Aston Martin respondeu sobre a proposta: “Eu preciso dar uma pensada. Mas é uma grande pista, então vamos ver”. Em entrevista ao site Motorsport.com na segunda-feira (9), Bobby Rahal reforçou que a oferta está de pé caso Vettel tenha interesse.

“Não temos nenhuma oportunidade agora, mas por que não? Você não pode exibir a Indy em um local melhor do que a Road America, e você não pode exibir o Road America melhor do que com a Indy. Eu adoraria ver o que Vettel pensa”, afirmou o campeão das 500 Milhas de Indianápolis de 1986.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Sebastian Vettel prefere que a Fórmula 1 corra em circuitos tradicionais nos Estados Unidos (Foto: Aston Martin)

“Em última análise, um cara como ele quer correr na Indy depois de uma carreira de grande sucesso na Fórmula 1? Não sei. Muitos europeus não gostam da ideia de correr nos ovais. Mas ele ainda está no meio dos 30 anos, então ele tem muitos anos para experimentar outros tipos de corrida”, disse Rahal.

O tricampeão da Indy não negou nenhuma possibilidade, mas disse que preferiria ter Sebastian no carro em tempo integral do que apenas nos circuitos mistos e de rua, como foi, por exemplo, a primeira temporada de Romain Grosjean. Bobby também questionou a motivação atual de Vettel na Fórmula 1, e disse que uma ida para a Indy poderia ajudar a “reviver” o tetracampeão.

“Tenho a sensação de que, depois de vencer quatro campeonatos mundiais com a Red Bull e conquistar muitas vitórias na Ferrari, pilotando por duas das melhores equipes da história da Fórmula 1, deve ser difícil reunir energia e entusiasmo para correr com um carro no qual você sabe que não tem muita esperança de sucesso”, analisou o tricampeão da Indy.

LEIA MAIS: Chefe da McLaren na Indy elogia “trabalho fantástico” da invicta Chevrolet em 2022

Prova de Road America é uma das mais tradicionais da Indy (Foto: IndyCar)

“Então, talvez entrar em na Indy poderia reviver um cara como Seb, sabendo que o sucesso depende em grande parte dele e não da tecnologia. Eu não tenho certeza disso, mas certamente é algo que podemos pensar sobre. Agora, aqui estamos falando sobre Vettel como se ele pudesse vir para a Indy, e ele pode não ter nenhum interesse nisso! Mas eu adoraria que ele testasse um de nossos carros, e ele está certo, Road America seria um ótimo lugar para começar”, concluiu Rahal.

O GP de Road America está marcado para o dia 12 de junho. Antes disso, a Indy retorna no dia 14 de maio, para o GP de Indianápolis 1 no circuito misto do Brickyard.

POR QUE COLTON HERTA NÃO ENGRENOU NA INDY EM 2022?
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar