Rahal supera Dixon e lidera primeiro treino livre das 500 Milhas de Indianápolis

Graham Rahal foi o mais rápido do primeiro treino livre das 500 Milhas de Indianápolis. Helio Castroneves foi o melhor brasileiro, fechando no top-10 com a Meyer Shank

O pneu furado de Jack Harvey (Vídeo: Indycar)

Graham Rahal abriu os treinos livres da Indy 500 na liderança. Na atividade realizada na manhã desta terça-feira (18), o piloto da RLL foi o mais rápido ao anotar 40s277, desbancando Scott Dixon para comandar a atividade marcada por diversas interrupções por conta de questões climáticas em Indianápolis.

A pista ficou aberta por duas horas apenas aos veteranos e pilotos que já completaram o teste de orientação de novatos no mês passado., como o caso de Scott McLaughlin, da Penske, que foi terceiro colocado. Duas vezes vencedor, Juan Pablo Montoya foi quarto, seguido por Ed Jones.

Três vezes vencedor, Helio Castroneves, estreando pela Meyer Shank, foi o melhor brasileiro, com o tempo de 40s566 que o levou ao décimo lugar, atrás de Will Power, Santino Ferrucci, Pato O’Ward e James Hinchcliffe.

Tony Kanaan, com a Ganassi, ocupou a 13ª posição ao marcar 40s724. Já Pietro Fittipaldi, com a Dale Coyne, foi apenas 28º, com 41s364.

A ação volta a acontecer ainda nesta terça-feira com o TL2, marcado para 16h (de Brasília).

Saiba como foi o treino livre 1 da Indy 500:

A bandeira verde foi acionada às 11h (de Brasília) para os veteranos. Com apenas seis minutos de sessão e sem tempos anotados, veio a primeira bandeira amarela para ‘resetar’ a pista. Com a atividade liberada, os carros da Penske foram os primeiros a sair da pista para voltas de formação, andando lado a lado no traçado sem outros carros.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.
Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!
WEB STORIES: Como ficou o top-10 da Indy após o GP de Indianápolis?

Os quatro carros da Penske alinhados (Foto: Team Penske)

Foi apenas perto da marca de 30 minutos que um piloto “não Penske” decidiu ir à pista para um rápido stint. Marco Andretti levou o #98 ao primeiro lugar com 41s555, seguido por Pato O’Ward, da McLaren, com 41s598. Instantes depois, a amarela foi acionada novamente por conta das condições da pista por conta de pequenos chuviscos em Indianápolis.

Na marca de 42 minutos, a pista finalmente foi liberada. Com pilotos de volta na pista, Marco melhorou o próprio tempo ao anotar 41s263. Quem finalmente deixou os boxes para voltas rápidas foi o brasileiro Tony Kanaan, que pulou ao segundo lugar com 41s310.

Max Chilton, da Carlin, passou por um momento curioso ao sair da pista. A mangueira de ar conectada em seu capacete se desprendeu e ficou pendurada na asa traseira do carro. O piloto precisou recolher aos boxes. Atual vencedor, Takuma Sato pulou para o primeiro lugar com 40s907. Marcus Ericsson, Will Power, Simona de Silvestro e Juan Pablo Montoya também cresceram na tabela, assim como Sage Karam, que pulou ao segundo lugar.

Uma nova amarela apareceu na marca de 57 minutos. Com a pista liberada mais uma vez, Ed Jones colocou a Dale Coyne no primeiro lugar com 40s413, seguido por Santino Ferrucci, Pato O’Ward, Scott Dixon, Helio Castroneves, Juan Pablo Montoya e Graham Rahal, que superaram a marca imposta por Sato. A Penske retomou a primeira posição com o neozelandês Scott McLaughlin, que anotou 40s388.

Entrando nos 30 minutos finais da sessão, a liderança se manteve com um neozelandês, mas trocou de mãos. Scott Dixon virou o primeiro piloto a quebrar a marca das 223 mph ao anotar 40s282 para tomar a liderança. Dixon acabou perdendo o primeiro lugar para Graham Rahal, que marcou 40s277 com 18 minutos restantes para o fim do treino.

Por conta de um novo chuvisco em Indianápolis, uma nova amarela veio faltando 15 minutos para o encerramento da atividade aos veteranos. Os pilotos não puderam retornar para a pista, deixando Rahal na liderança

Indy 2021, 500 Milhas de Indianápolis, Treino Livre 1:

1G RAHALRLL Honda40.278 19
2S DIXONGanassi Honda40.283+0.00520
3S McLAUGHLINPenske Chevrolet40.389+0.11118
4J MONTOYAMcLaren Chevrolet40.399+0.12119
5E JONESDale Coyne Honda40.413+0.13519
6W POWERPenske Chevrolet40.461+0.18330
7S FERRUCCIRLL Honda40.503+0.22518
8P O’WARDMcLaren Chevrolet40.508+0.23022
9J HINCHCLIFFEAndretti Honda40.542+0.26411
10H CASTRONEVESMeyer Shank Honda40.566+0.28819
11C DALYCarpenter Chevrolet40.599+0.32117
12S KARAMDRR Chevrolet40.664+0.38626
13T KANAANGanassi Honda40.742+0.46410
14R HUNTER-REAYAndretti Honda40.760+0.48212
15C HERTAAndretti Honda40.786+0.50812
16M ANDRETTIAndretti Honda40.793+0.51521
17A PALOUGanassi Honda40.816+0.53818
18S BOURDAISFoyt Chevrolet40.840+0.56215
19M ERICSSONGanassi Honda40.890+0.61230
20T SATORLL Honda40.908+0.63018
21R VEEKAYCarpenter Chevrolet40.909+0.63113
22E CARPENTERCarpenter Chevrolet40.980+0.70212
23M CHILTONCarlin Chevrolet41.091+0.81314
24S PAGENAUDPenske Chevrolet41.097+0.81917
25F ROSENQVISTMcLaren Chevrolet41.146+0.86818
26S DE SILVESTROParetta Chevrolet41.193+0.91510
27A ROSSIAndretti Honda41.338+1.06011
28P FITTIPALDIDale Coyne Honda41.365+1.08728
29J NEWGARDENPenske Chevrolet41.647+1.36911
30D KELLETTFoyt Chevrolet2

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar