Para dar mais emoção ao Bump Day, Indy cogita mudar formato da classificação das 500 Milhas

Depois de dois anos sem nenhum piloto brigando para não ser eliminado no ‘dia do corte’, a Indy estuda fazer mudanças para voltar a ter disputas interessantes nos dois dias da classificação para as 500 Milhas de Indianápolis

O formato da classificação para as 500 Milhas de Indianápolis pode sofrer alterações em 2014. As mudanças, caso elas de fato sejam efetuadas, devem ser anunciadas no próximo mês e têm um objetivo: fazer o Bump Day voltar a ser interessante.

Tradicionalmente, o grid da Indy 500 é definido em dois dias no fim de semana anterior à corrida. No sábado, conhecido como Pole Day, são definidos os pilotos que largam nas oito primeiras filas – 24 primeiras posições. No domingo, os demais inscritos brigam pelas últimas nove vagas.

Acontece que, nos últimos dois anos, não houve disputa no Bump Day. Em 2012, quando estreou a atual geração de bólidos da categoria, somente 32 times se inscreveram – tanto é que Jean Alesi e Simona de Silvestro conseguiram se classificar para a corrida com os fracos motores Lotus.

Michel Jourdain Jr. pouco fez para dar alguma emoção ao Bump Day em 2013 (Foto: IndyCar/LAT USA)

No ano passado, o número de inscritos superou o limite permitido: da lista de 34 nomes, somente 33 poderiam largar. Acontece que o veterano Michel Jourdain Jr., que fazia uma nova tentativa de correr a Indy 500 com a RLL, enfrentou muitos problemas e não conseguiu acelerar forte no oval de 2 km. Acabou que nove pilotos aferiram tempos e apenas ficaram observando o drama de Jourdain no restante do dia.

“Estamos pensando em como fazer aqueles dois dias voltarem a significar alguma coisa, fazer valer para que os times compitam”, revelou o presidente de competição e operações da Indy, Derrick Walker, em entrevista coletiva nesta terça-feira (18). “No fim do dia, os fãs vão poder ir embora pensando que viram algo.”

O ex-chefe de equipe ressaltou, contudo, que isso será feito preservando a história da mais importante corrida dos Estados Unidos.

“É tentar criar atrativos quem vive a experiência de ir a Indianápolis em maio sem tirar nada da história ou da classificação”, completou.

Nos últimos meses, muito se discutiu a respeito de preservar as tradições de Indianápolis. A Indy decidiu criar uma segunda corrida no circuito, no início de maio, utilizando o traçado misto e correndo no sentido horário. Muitos receberam com entusiasmo a ideia, contudo, alguns mais saudosistas criticaram a decisão. O novo GP de Indianápolis foi marcado para um sábado, 10 de maio. No dia seguinte terão início os treinos livres para a Indy 500.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube