Enerson vence disputa judicial por carro e planeja retorno a Indy em 2023

RC Enerson quer disputar a Indy em tempo integral pela primeira vez, e traça planos para entrar na categoria em 2023 com carro que foi alvo de disputa na justiça entre seu pai e a equipe Top Gun

POR QUE COLTON HERTA NÃO ENGRENOU NA INDY EM 2022?

O americano RC Enerson planeja uma volta à Indy em 2023 e quer fazer uma temporada completa pela primeira vez em sua carreira. O piloto de 25 anos participou de apenas cinco corridas em três anos, sendo que sua última prova foi o GP de Indianápolis 2 em 2021 com a equipe Top Gun.

O carro #75 havia sido comprado por seu pai, Neil Enerson, e acabou virando objeto de disputa judicial com a equipe. No final, Neil ficou com o carro e o chassi reserva que também havia sido adquirido. Com o imbróglio resolvido, pai e filho agora buscam parceiros para realizar o desejo de voltar a Indy.

“Como temos nossos carros agora, é foco total em 2023. Todo o foco está em tentar se firmar em algum lugar com nosso equipamento. Nós temos os carros, temos o transporte. Agora é só juntar as peças finais”, disse RC Enerson em entrevista ao site americano RACER.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

RC Enerson quer fazer temporada completa na Indy (Foto: IndyCar)

“Obviamente, com outras coisas acontecendo nos bastidores com os carros nos últimos meses, precisamos lidar com isso para então seguir em frente. Vamos começar a conversar com as equipes e descobrir onde queremos estar”, explicou o piloto americano.

Enerson tem como melhor resultado um nono lugar em Watkins Glenn com a Dale Coyne em 2016, ano em que fez suas primeiras três provas. Em 2021, tentou participar das 500 Milhas de Indianápolis, mas foi eliminado no Bump Day. Todo seu esforço no restante deste ano será para conseguir patrocinadores a fim de finalmente ter uma experiência constante na Indy.

LEIA MAIS: Bobby Rahal oferece teste a Vettel na Indy: “Adoraria que entrasse em nosso carro”

Carro #75 foi alvo de disputa judicial entre Top Gun e Neil Enerson (Foto: IndyCar)

“Todo o resto deste ano será dedicado a encontrar mais orçamento para executar uma temporada completa. Essa é a única coisa que eu nunca tive a chance de fazer na Indy. Tudo o que já fiz foi uma corrida, ou alguns testes, e depois sair do carro por um tempo. A única coisa que nunca tive foi consistência no carro”, lamentou Enerson.

“É por isso que sempre tive dificuldades na classificação, porque maximizar o desempenho dos pneus vermelhos de cara, contra esses caras que vêm fazendo isso durante toda a temporada, leva um pouco de tempo para encontrar esse nível. Se você estiver no carro todo final de semana por uma temporada inteira, a consistência ajudará a trazer melhores resultados. Então, estamos vendo o que podemos fazer para garantir que eu entre em um carro durante todo o calendário de 2023”, concluiu RC.

FÓRMULA INDY AMA O’WARD, E ELE TEM DE AMÁ-LA TAMBÉM
Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar