Rosenqvist quebra tabu de quase 18 anos sem vitórias da Suécia na Indy

Desde Kenny Bräck, em 2002, que um piloto sueco não ocupava o lugar mais alto do pódio na Indy. Felix Rosenqvist quebrou a marca neste domingo em Elkhart Lake

A vitória de Felix Rosenqvist na corrida 2 em Elkhart Lake, disputada neste domingo (12) quebrou um jejum de quase 18 anos. A última vez que um piloto sueco venceu uma corrida da Indy foi em 17 de novembro de 2002, quando Kenny Bräck triunfou no GP do México, na CART.

Campeão da IRL em 1998, Bräck é o sueco mais bem sucedido da Indy. Ele registra nove vitórias. O triunfo conquistado na Cidade do México foi o único em circuito misto pela categoria. Kenny sofreu fraturas gravíssimas em 2003. após um acidente no Texas, e teve a carreira praticamente encerrada, correndo apenas nas 500 Milhas de Indianápolis de 2005.

Felix Rosenqvist venceu pela primeira vez na Indy em Road America (Foto: Indycar)

Curiosamente, a vitória de Bräck foi pela mesma Ganassi que tem Rosenqvist. O piloto estreou na Indy pela equipe em 2019. O ano inicial foi positivo, com dois pódios, uma pole e o posto de novato do ano.

Em 2020, Felix ainda não tinha conquistado um top-10. Ele largou a corrida 2 em Elkhart Lake na sétima posição e foi avançando durante a prova, até ultrapassar o então líder Patricio O’Ward na penúltima volta para vencer.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube