Indy

Rosenqvist roda, acerta o muro e causa bandeira vermelha na corrida 2 da Indy em Detroit

Sueco da Ganassi estava no top-10 até passar sobre uma zebra, rodar e acertar o muro na primeira curva. Direção de prova deu bandeira vermelha na corrida, reiniciada poucos minutos depois

Grande Prêmio / Redação GP, de Campinas
Felix Rosenqvist causou uma bandeira vermelha com apenas cinco voltas restantes para o fim da corrida 2 da Indy em Detroit. O sueco da Ganassi perdeu o carro ao passar por uma zebra, rodou e bateu contra o muro na curva 1 do circuito.
 
Por conta do acidente, a direção de prova resolveu dar bandeira vermelha na corrida, que foi reiniciada minutos depois. Scott Dixon, companheiro de equipe de Rosenqvist, foi o vencedor.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.