Pagenaud fala em progresso após afastamento por concussão, mas esquiva sobre retorno

Simon Pagenaud atualizou os fãs sobre o estado de saúde após o afastamento da Indy para tratar de uma concussão sofrida no acidente em Mid-Ohio. Francês ainda não estipula retorno

Afastado das pistas desde o forte acidente sofrido em Mid-Ohio, Simon Pagenaud divulgou uma atualização do estado de saúde. Em vídeo publicado nas redes sociais, o campeão de 2016 da Indy comentou sobre a lenta evolução dos sintomas de concussão que convive desde a pancada sofrida em Lexington, durante um treino livre em 2023.

No vídeo publicado nas redes sociais, Pagenaud falou que se sente muito bem fisicamente, mas as lesões internas na cabeça exigem paciência e que impedem o retorno do piloto até aqui. Simon correu uma temporada e meia pela Meyer Shank, mas foi afastado após o acidente e não voltou a competir. O time o substituiu pelo sueco Felix Rosenqvist em 2024.

Relacionadas


“Sei que passou um longo tempo e sinto que deveria dar uma atualização a vocês. Estou fazendo grande progresso. Infelizmente, as lesões não são mostradas externamente. Me sinto muito bem fisicamente, mas é por dentro. Então, são lesões frustrantes porque você não vê elas melhorarem, apenas o tempo faz diferença. Então, preciso ser paciente, fazer muita recuperação e tentar ficar forte a cada dia. Com isso, é altos e baixos. Alguns dias são melhores, outros um regresso. No geral, quero assegurar a todos que estou bem. Só quero estar no meu melhor nível, e estou trabalhando nisso, para voltar a ficar 100%”, afirmou.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Tw
itch clicando aqui!

Pagenaud está fora da prova em Mid-Ohio (Foto: Indycar)

O acidente de Pagenaud aconteceu durante o treino livre 2 do GP de Mid-Ohio, em julho de 2023. Na ocasião, o piloto perdeu o controle do carro e capotou seguidas vezes até parar na barreira de pneus. Apesar de sair do carro andando, sofreu com concussões e foi afastado. Pilotos como Conor Daly, Linus Lundqvist e Tom Blomqvist o substituíram no carro #60.

“Todos os médicos e a equipe da Indy foram sensacionais, me ajudando e me conectando com as pessoas corretas. E trabalho muito nos bastidores, que são coisas que ninguém consegue ver, mas quero agradecer a todos pelo apoio. E quero assegurar que não estou esquecendo do apoio dos fãs, que me ajudaram muito. Obrigado a todos. Vou me manter trabalhando duro e seguir avançando. Estou esperançoso de que ficarei forte e melhor em breve”, concluiu.

Perto de completar 40 anos de idade, Simon Pagenaud é um dos principais pilotos da Indy na década de 2010. Em 207 corridas entre 2007 e 2023, conquistou 15 vitórias, 38 pódios e 13 poles. Foi o campeão da temporada 2016 e vencedor das 500 Mlilhas de Indianápolis de 2019.

🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da Indy direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra, Escanteio SP e Teleguiado.