Toyota evita comentar sobre volta à Indy para fornecer motores: “Foco em outras categorias”

A Toyota é especulada como uma das favoritas a voltar ao grid da Indy para fornecer motores no futuro. Mesmo assim, preferiu fazer mistério sobre qualquer informação

A temporada 2021 da Indy terminou no último fim de semana, em Long Beach, e consagrou Álex Palou como novo campeão. Agora, a categoria já começa a pensar no futuro, inclusive na entrada de uma terceira fornecedora de motores, para se juntar a Chevrolet e Honda na disputa, e a Toyota surge como forte candidata

De acordo com a revista Racer, a montadora japonesa pode voltar ao grid da Indy em um breve futuro, quando a categoria adotar motores V6 e utilizar o KERS, que recupera energia e fornece mais potência para os veículos. Dave Wilson, presidente da Toyota Racing Development, comentou o assunto.

“A Toyota sempre esteve em discussões além das categorias que atualmente compete para garantir o bom relacionamento e uma presença no esporte a motor dos Estados Unidos”, disse Wilson à Racer.

Indy busca terceira fornecedora para o futuro (Foto: IndyCar)

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

“Gostamos da experiência anterior na Indy e confiamos que sob o comando de Roger Penske a categoria vai continuar crescendo. Neste momento, no entanto, nosso foco está em nossas competições [Nascar, IMSA, NHRA, entre outras]”, seguiu.

A últimas vez que a Indy teve três fornecedoras juntas foi em 2012, quando a Lotus esteve ao lado de Chervolet e Honda. Desde então, as duas marcas pediram diversas vezes a entrada de concorrentes no grid para aumentar a visibilidade da categoria.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar