FIA cancela etapa do Mundial de Kart no Brasil por restrições impostas pela Covid-19

Anúncio da FIA foi feito na manhã desta sexta-feira (17). Evento estava marcado para o começo de dezembro e seria realizado em Birigüi, no interior de São Paulo

VETTEL FICA NA ASTON MARTIN + AS ÚLTIMAS DE HAMILTON x VERSTAPPEN NA F1 2021 | GP às 10

A FIA resolveu cancelar a etapa brasileira do Campeonato Mundial de Kart, que estava marcada para os dias 2-5 de dezembro em Birigüi, no interior de São Paulo. O anúncio foi feito na manhã desta sexta-feira (17) e conta com a justificativa de toda a dificuldade relacionada à pandemia do novo coronavírus e as restrições de locomoção que dificultam as viagens internacionais pelo mundo.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

O evento já havia sido mudado de data: inicialmente, estava marcado para os últimos dias de outubro e foi passado para dezembro justamente para esperar que a situação ganhasse contornos de normalidade.

As fábricas e as equipes do campeonato não queriam vir ao Brasil. A Tony Kart – a líder do movimento – fez com que Parolin, CRG, Exprit, Kosmic, OTK, Birel, Energy Corse, Lennox, RFM e OTK assinassem uma carta no fim de julho, à qual o GRANDE PRÊMIO teve acesso, informando da decisão de não participarem da etapa em Birigüi. O motivo, oficialmente, era a pandemia e a dificuldade de organização.

Dias depois, o presidente da FIA, Jean Todt, e o presidente da Comissão de Kart, Felipe Massa, haviam reiterado que a etapa não seria cancelada.

Em compasso de espera, as fábricas aguardaram até a última quarta-feira, dia 15, pelo encerramento das inscrições na certeza de a organização da prova não seria feita sem auxílio dos promotores europeus e que o grid mínimo de 20 pilotos para cada uma das divisões (OK e OK Jr) não seria atingido. O GP soube que as divisões alcançaram a meta apenas com os participantes inscritos no Brasil.

Não é dessa vez que o Mundial de Kart vem ao Brasil. Na imagem, a Copa GP de Kart em 2019 (Foto: GRANDE PRÊMIO)

A CBA e o Speed Park, organizadores do evento, esperavam para esta sexta-feira a divulgação da lista oficial dos participantes, juntando às inscrições dos pilotos dos estrangeiros – que ainda eram de desconhecimento da entidade brasileira. Acabaram recebendo da FIA, com surpresa, o comunicado do cancelamento via imprensa.

“É com grande tristeza que temos de cancelar a etapa do Campeonato do Mundo em Birigüi. A situação global causada pela pandemia da Covid-19 torna a etapa impossível de acontecer aonde queríamos ir, disse Massa.

“Gostaria de agradecer pessoalmente ao organizador local Speed Park e à equipe da CBA pelo empenho e trabalho árduo até o momento e estamos ansiosos para trabalhar junto com eles para desenvolver o FIA Karting no Brasil”, finalizou.

A entidade informa que o evento, que serviria como decisão do Campeonato Mundial, será substituído e levado de volta à data original: 29-31 de outubro. Embora o local ainda não tenha sido definido, a FIA informou que será em algum kartódromo da Espanha.

O GP de São Paulo de F1, que é evento FIA, segue marcado no Brasil para os dias 12-14 de novembro em Interlagos – três semanas, portanto, antes da data prevista para a etapa cancelada do kart. O país segue com restrições para quem vem do Reino Unido, impondo uma quarentena de 14 dias.

Ainda nem dá para saber se martírio acabou, mas Ricciardo deu lembrete de quem é
Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube! Clique aqui.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram!

FERRARI FAZ TESTE PRIVADO NA F1: MAS PODE? E O QUE ELA AVALIOU ÀS ESCONDIDAS? | GP às 10

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube

Saiba como ajudar