MotoGP

MotoGP aproveita pré-temporada no Catar para testar punição alternativa para pequenas infrações

De acordo com o site ‘Motorcyclenews’, a MotoGP está testando neste sábado (23) um sistema alternativo de punição para substituir as atuais sanções de perda de posição. O novo formato consiste em obrigar os pilotos a passarem por um ponto determinado da pista, forçando-os a perder tempo em relação aos rivais

Grande Prêmio / Redação GP, de São Paulo
A MotoGP vai aproveitar a segunda e última bateria da pré-temporada 2019 para testar uma nova forma de punição. De acordo com o site inglês ‘Motorcyclenews.com’, os pilotos vão avaliar uma alternativa para pequenas inflações.
 
Atualmente, situações como cortar curvas ou ultrapassar em bandeira amarela são punidas com a perda de posições ou acréscimo de tempo ao tempo de prova, mas a opção que será avaliada no Catar consiste em obrigar o piloto a passar por uma área demarcada da pista, fazendo-o perder tempo em relação aos rivais.
MotoGP vai testar forma alternativa de punição (Foto: Yamaha)
Neste sábado (22), os pilotos vão avaliar uma demarcação que foi feita na parte de fora da curva seis de Losail. Ao fim do treino, a Comissão de Segurança vai debater a mudança, que foi feita para adicionar cerca de 2s5 ao tempo de volta. 

A segunda e última sessão de testes da pré-temporada começou neste sábado em Losail e vai até a próxima segunda-feira.