Agostini defende renovação de Dovizioso com Ducati: “É quem dá resultados”

Lenda da MotoGP, Giacomo Agostini avaliou que Jack Miller está pronto para defender o time de fábrica da Ducati. Ainda assim, o italiano considera que é importante manter Andrea Dovizioso

Giacomo Agostini saiu em defesa da permanência de Andrea Dovizioso na Ducati depois da temporada 2020 da MotoGP. O lendário ex-piloto ressaltou a contribuição do #4 nos resultados do time de Bolonha nos últimos anos. 
 
Ao contrário de Honda, Yamaha e Suzuki, a Ducati ainda não oficializou nenhuma peça da equipe para a temporada da MotoGP. Apesar de ter garantido o vice-campeonato nos últimos três anos, Dovizioso ainda não teve o contrato renovado. 
Giacomo Agostini em Silverstone 2012 (Foto: Yamaha)
Paddockast #62
QUAL O LUGAR DE VETTEL NA HISTÓRIA DA F1?

Ouça:

Spotify | iTunes | Android | playerFM

Nos últimos dias, os rumores de um acerto entre a casa de Borgo Panigale e Jack Miller ganharam força. Danilo Petrucci admitiu que o australiano “está com um pé” na Ducati, enquanto Francesco Guidotti, chefe da Pramac, confirmou a aproximação.
 
Recentemente, Paolo Ciabatti, diretor-esportivo da Ducati, reconheceu que a parte financeira poderia ser um problema na renovação com Dovizioso, uma consequência do impacto da pandemia do novo coronavírus. Em uma entrevista à revista britânica ‘Autosport’, Simone Battistella, empresário de Andrea, confirmou que “no momento, não temos proposta da Ducati”.
 
“Tudo vai depender do tom e da abordagem da Ducati. Em outras palavras, a porcentagem do salário de Andrea que ela pretende subtrair”, explicou. “Não é verdade que este ano nós passamos de 19 GPs para 20 e isso não aumentou o valor para os pilotos?”, questionou, se referindo ao calendário original de 2020. 
 
Ainda assim, Agostini acredita que Dovizioso deve seguir com a equipe que defende 2013, mesmo considerando Miller pronto para o time de fábrica. 
 
“Dovizioso é quem está dando resultados na Ducati. Não acho que exista outra alternativa e eu não o deixaria partir”, falou Ago. “Acho que Miller está pronto para se juntar ao time de fábrica, ainda que não faltasse nada a ele na Pramac, mas isso pode ser importante do ponto de vista psicológico”, concluiu. 
 

Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube