Ansioso para testar nova M1, Rossi celebra contrato com Yamaha até 2018 e brinca: “Quero correr para sempre”

Participando do Salão de Milão como embaixador da TMAX DX, Valentino Rossi fez uma avaliação positiva da temporada 2016 da MotoGP e se disse ansioso para provar a YZR-M1 do próximo ano. Italiano celebrou contrato com a Yamaha até 2018 e deixou futuro no esporte em aberto

Às vésperas do GP da Comunidade Valenciana, Valentino Rossi deu um pulo na capital da Lombardia para participar do EICMA, o Salão de Milão, e apresentar a nova TMAX DX, a maxi scooter Premium da Yamaha.
 
Além de elogiar a TMAX e a R6, que é utilizada pelos integrantes da Academia de Pilotos VR46 em seu programa de treinamento, o multicampeão também fez um balanço da temporada 2016 da MotoGP e se disse ansioso para provar o novo modelo da M1, que será testado no teste coletivo da Valência nos dias 15 e 16 de novembro.
Valentino Rossi é embaixador da TMAX (Foto: Yamaha)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Em Motegi, o italiano assegurou o vice-campeonato de 2016, à frente de Jorge Lorenzo, que faz sua prova de despedida da Yamaha ainda sem o terceiro lugar na classificação garantido — o #99 tem 23 pontos de margem para Maverick Viñales na tabela.
 
“No fim, é um bom resultado”, disse Rossi. “Foi uma boa temporada, com alguns altos e baixos, um pouco de azar, alguns erros, nós perdemos alguns pontos… Infelizmente, não conseguimos lutar pelo campeonato até a última corrida, mas também tiveram algumas boas corridas, algumas boas performances”, resumiu.
 
“Também na MotoGP, nós esperamos pelo novo modelo, pois em Valência, na terça-feira, nós poderemos testar a nova M1 finalmente e esperamos que possamos melhorar e tentar lutar no próximo ano”, seguiu.
 
Prestes a iniciar um novo contrato de dois anos com a Yamaha, Rossi celebrou sua ligação com o time e se disse ansioso para esta nova etapa da carreira.
 
“Estou muito feliz. Assinei um contrato de dois anos no início desta temporada e me sinto fantástico com a moto, mas especialmente com toda a minha equipe, toda a ótima equipe de fábrica e no próximo ano nós vamos tentar dar o máximo”, assegurou.
 
Questionado se este será seu último contrato, Valentino deixou o futuro em aberto: “Eu não sei. Eu não sei. Eu quero correr para sempre, mas talvez não seja possível. O máximo possível”.
 
Ao lado do italiano, o presidente da Yamaha, Hiroyuki Yanagi, também deixou a porta aberta para a permanência do piloto, e respondeu animado: “Não se preocupe”.
fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube