Após lesão em Oschersleben, Smith perde etapas de Silverstone e Misano, e Tech3 escala Alex Lowes como substituto

Depois de um teste em Brno, Alex Lowes ganhou um novo presente da Tech3: disputar as etapas do Reino Unido e de San Marino. Titular da equipe francesa, Bradley Smith vai perder as duas corridas por conta de uma lesão sofrida nos treinos para as 8 Horas de Oschersleben

A passagem meteórica de Bradley Smith pelas 8 Horas de Oschersleben deixou um grande prejuízo. Escalado pela Yamaha para ajudar na decisão do título do Mundial de Endurance da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), o britânico se acidentou ainda nos treinos e teve uma lesão nos ligamentos do joelho direito.
 
Inicialmente, os médicos suspeitaram de uma fratura no fêmur, mas exames realizados no Hospital Städtisches Klinikium, em Magdeburg, constataram que o piloto não sofreu lesões ósseas, mas uma laceração na perna direita, com danos aos ligamentos do joelho.
Alex Lowes vai substituir Bradley Smith na Tech3 ao lado de Pol Espargaró (Foto: Yamaha)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

Por conta da lesão, Smith não poderá participar das próximas duas etapas da MotoGP —os GPs da Grã-Bretanha e de San Marino e da Riviera de Rimini. Com o titular fora, a Tech3 anunciou nesta segunda-feira (29) que escalou Alex Lowes para formar dupla com Pol Espargaró.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Piloto da Yamaha no Mundial de Superbike, Lowes testou a YZR-M1 no último dia 22 durante um teste coletivo em Brno, um presente da marca dos três diapasões pelo triunfo na edição 2016 das 8 Horas de Suzuka, a prova mais importante do calendário para as fábricas japonesas.
 
O piloto de 25 anos é irmão gêmeo de Sam Lowes, piloto da Gresini no Mundial de Moto2 e da Aprilia na MotoGP a partir de 2017. Em sua terceira temporada completa no Mundial de Superbike, Alex soma três pódios.
 
“A equipe Tech3 gostaria de agradecer Paul Denning e a Pata Yamaha Official World Superbike Team pela cooperação deles em permitir que Lowes corra e também desejar uma pronta e completa recuperação a Bradley Smith”, disse a equipe de Hervé Poncharal em uma nota à imprensa.
 
Pelas redes sociais, Alex celebrou a oportunidade de correr em casa pela MotoGP e se juntou ao coro para desejar uma pronta recuperação ao britânico.
 
“A primeira coisa a dizer é ‘fique bem logo Bradley Smith’. Espero que você volte o mais rápido possível, parceiro. Um grande obrigado por me deixar esquentar a vaga para você. #respeito”, escreveu Alex. “Um enorme obrigado à Yamaha e a Tech3 pela oportunidade. Sou muito grato, mal posso esperar! Todo piloto sonha em competir em seu GP de casa”, continuou.
 
“E também à Crescent Racing Pata Yamaha World Superbike por permitirem que eu faça isso!”, completou.
 
Mesmo em uma categoria diferente, o irmão Sam não escondeu a alegria por ter o gêmeo no mesmo Mundial.
 
“Ótima notícia para o meu irmão”, escreveu Sam. “Lamento por Bradley e espero que ele esteja de volta à forma em breve!”, seguiu.
 
“Vai ser um fim de semana incrível. Espero ver todos vocês lá!”, concluiu.
 
PADDOCK GP #43 DEBATE INDY E MOTOGP E FAZ PRÉVIA DA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube