Casa de avô é abalada por terremoto, e Fenati se junta às equipes de resgate para trabalhar nos escombros em Amatrice

Romano Fenati se juntou aos voluntários para trabalhar nos escombros do terremoto que atingiu a região central da Itália na madrugada desta quarta-feira (24). Casa do avô do ex-piloto da VR46 foi afetada pelo tremor, mas não há vítimas entre os familiares do terceiro colocado no Mundial de Moto3

Enquanto o mundo acompanha com pesar as notícias sobre o terremoto que afetou a região central da Itália, Romano Fenati decidiu colocar a mão na massa. Natural de Ascoli Piceno, o agora ex-piloto da VR46 se juntou às equipes de resgate para trabalhar nos escombros.
 
Às 3h36 (22h36 de Brasília), o centro da Itália foi atingido por um forte tremor. De acordo com o serviço geológico dos Estados Unidos, o tremor teve magnitude de 6,2, com o epicentro situado entre as cidades de Perugia e Rieti, a pouco mais de 150 km a nordeste de Roma. Ainda segundo o USGS, a profundidade do terremoto foi de apenas 10 km, o que aumenta o potencial de danos e vítimas.
Romano Fenati mora na região atingida por terremoto na Itália (Foto: VR46)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 1
,components : { mute: {delay :3}, skip: {delay :3} }
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

Nas províncias de Ascoli Piceno, Fermo e Macerata, em Marche, e em Nórcia, na região de Úmbria, o tremor causou colapsos em edifícios. O prefeito de Amatrice, Sergio Pirozzi, disse à rádio estatal que terremoto “destruiu metade da cidade”.
 
Segundo a agência de notícias Ansa, o número de mortos chegou a 73, sendo 53 em Amatrice e Accumoli e 20 em Arquata, na região de Marche.
 
De acordo com a imprensa italiana, Fenati pegou a estrada e seguiu para Amatrice, que fica a cerca de 50 km de sua casa. Ao confirmar que seus familiares estavam em segurança, o piloto partiu para a loja de ferragens da família em busca de roupas, calçados e ferramentas e se juntou aos voluntários que prestam auxílio às vítimas.
 
No tremor, a casa do avô de Fenati, que também se chama Romano, foi danificada, mas ninguém se feriu.
 
“O abalo das 3h36 foi muito violento e causou danos à casa do avô”, contou um funcionário da loja de ferragens ao site ‘Corsedimoto.it’. “Rachaduras se formaram nas paredes, vários pedaços de gesso caíram e alguns móveis, os mais altos, caíram no chão. Em suma, um desconforto considerável, mas, felizmente, nenhum dano para as pessoas, apesar do medo que sentiram”, continuou. 
 
“Romano veio aqui na loja para pegar sapatos, roupas e ferramentas para construção. Ele queria correr a qualquer custo para Amatrice para ajudar as equies de resgate”, completou.
PADDOCK GP #43 DEBATE INDY E MOTOGP E FAZ PRÉVIA DA F1

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube