Chuva força alteração, e Mundial de Motovelocidade divulga novo cronograma provisório para classificação no Catar

Assim como na noite de sexta-feira, uma forte chuva voltou a atingir o circuito de Losail na manhã deste sábado (25), forçando uma modificação no cronograma dos treinos classificatório. No novo cronograma provisório, a MotoGP ganhou sessão extra de 20 minutos para poder avaliar as condições de pista

 

O clima desértico do Catar parece ter saído de férias. Depois de chuvas atrapalharem a bateria final de testes da pré-temporada de Moto2 e Moto3, o clima voltou a interferir no Mundial de Motovelocidade, forçando a organização do certame a alterar a programação deste sábado (25) em Losail.

 
Inicialmente, a Moto3 abriria as atividades neste terceiro dia no Catar ao meio dia (de Brasília), sendo seguida pelas sessões classificatórias de Moto2 e MotoGP. No entanto, como o asfalto está molhado pela primeira vez no fim de semana, a classe rainha ganhou um treino extra para que os pilotos possam avaliar as condições.
Doha tem uma média de 8,8 dias de chuva por ano… e a MotoGP encontrou todos (Foto: Honda)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “5708856992”;
google_ad_width = 336;
google_ad_height = 280;

Ainda durante a fase de testes coletivos, a organização da MotoGP enviou seus comissários de segurança — Franco Uncini e Loris Capirossi — ao traçado catari para avaliarem a possibilidade de realizar a corrida com chuva. Após o ‘OK’ da dupla, ficou definido que, caso as condições exigissem, os pilotos da divisão principal deveriam estar prontos para testarem o asfalto em condição de chuva.
 
Mesmo com a decisão para que os pilotos da MotoGP testem o asfalto molhado, a organização ainda não definiu se, com a aprovação dos competidores, dará sequência à corrida mesmo com chuva.
 
Com a forte chuva desta manhã, os organizadores do certame farão uma inspeção de dez minutos na pista às 11h (horário de Brasília), que será seguida por uma reunião da Comissão de Segurança. Na sequência, ao meio dia, a Moto2 entra na pista para a sessão que define o grid de largada. A MotoGP inicia o quarto treino livre às 13h55, com o Q1 marcado para as 14h35. A classificação da Moto3 foi transferida para o fim da programação, às 15h30.
Em Doha, a média é de 8,8 dias de chuva por ano, com cerca de 75 mililitros no total. Março é o segundo mês mais chuvoso do ano, com média de 1,8 dias de chuva.
 
Em 2009, a corrida teve de ser realizada na segunda-feira por conta de um temporal no domingo.
Após a inspeção da pista, a direção de prova anunciou um novo adiamento, desta vez sem hora de início definido.
 
Representante da FIM (Federação Internacional de Motociclismo) na direção de prova, Uncini explicou em entrevista à emissora espanhola Movistar que, embora as condições estivessem melhorando, ainda havia muita água na pista.
 
“A pista está melhorando, o problema é que ainda tem água e está entrando na pista. Vamos tentar drenar essa água”, disse.
Chefe da Michelin, Piero Taramasso explicou que a pista estava em uma condição mista, com pontos com água, outros apenas úmidos e algumas manchas secas. Segundo o dirigente, era possível rodas com os pneus de chuva médios, mas não dava para usar os macios. Introduzidos no ano passado, os pneus intermediários foram removidos da alocação, já que foram pouco usados em 2016.
 
Ao 12h07 (de Brasília) a direção de prova cancelou o treino extra previsto para a MotoGP, já que não fazia sentido uma sessão a mais sem a pista molhada. 
Uma nova inspeção foi feita no circuito catari ao 12h45 para verificar a evolução da pista.
Depois de quase 1h40 de atraso na programação, a organização do Mundial anunciou que o quarto treino livre da MotoGP seria iniciado às 14h30 (de Brasília). A sessão, no entanto, dependeria das condições de pista.
 

#GALERIA(6967)

 

PADDOCK GP #70 FAZ PRÉVIA DE ABERTURA DAS TEMPORADAS DE F1 E MOTOGP E LEMBRA PACE

.embed-container { position: relative; padding-bottom: 56.25%; height: 0; overflow: hidden; max-width: 100%; } .embed-container iframe, .embed-container object, .embed-container embed { position: absolute; top: 0; left: 0; width: 100%; height: 100%; }

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “8352893793”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 250;

fechar

function crt(t){for(var e=document.getElementById(“crt_ftr”).children,n=0;n80?c:void 0}function rs(t){t++,450>t&&setTimeout(function(){var e=crt(“cto_ifr”);if(e){var n=e.width?e.width:e;n=n.toString().indexOf(“px”)

var zoneid = (parent.window.top.innerWidth document.MAX_ct0 = '';
var m3_u = (location.protocol == 'https:' ? 'https://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?' : 'http://cas.criteo.com/delivery/ajs.php?');
var m3_r = Math.floor(Math.random() * 99999999999);
document.write("”);

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube