Ex-MotoGP, Romboni morre aos 44 anos após acidente durante evento em homenagem a Simoncelli

Experiente piloto italiano participava do Sic Supermoto Day, evento que homenageia Marco Simoncelli, morto em 2011. Durante segunda sessão de treinos, Romboni foi atingido por outro piloto após queda e não resistiu. Última vitória foi em Jacarepaguá em 1995

Doriano Romboni morreu aos 44 anos em evento que homenageava Simoncelli (Foto: Getty Images)

Doriano Romboni, ex-piloto de MotoGP e do Mundial de Superbike, faleceu na tarde deste sábado (30) no hospital Santa Maria Goretti em Latina, na Itália, em decorrência das lesões de um grave acidente sofrido no Sic Supermoto Day – trágica coincidência por se tratar de um evento em homenagem a Marco Simoncelli, morto em 2011 aos 24 anos.

 
Relatórios locais indicam que Romboni foi atingido por outro piloto após sofrer um acidente na segunda sessão de treinos para o evento. Imediatamente, foi imobilizado e levado ao hospital de helicóptero, onde recebeu os primeiros atendimentos. Já no Santa Maria Goretti, apesar dos esforços da equipe médica, o italiano não resistiu e foi declarado morto.
 
Com longa carreira no motociclismo, Doriano estreou no Mundial em 1989, na extinta categoria 125cc, atual Moto3. Dois anos depois, avançou à 250cc, hoje Moto2. Neste estágio, conseguiu seus melhores resultados: em cinco temporadas, venceu quatro corridas, cravou a pole em quatro oportunidades e subiu ao pódio 14 vezes. Seu último triunfo, curiosamente, foi na etapa brasileira da 250cc, à época realizada no finado Autódromo de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, em 1995.
 
Correu na MotoGP entre 1996 e 1998, por Aprilia e Muz Roc, e o melhor que conseguiu foi um único pódio no GP da Holanda de 1997. Foi décimo na classificação final daquele ano. Competiu, posteriormente, no Mundial de Superbike nos campeonatos de 1999, 2000 e 2004, disputando a versão italiana da categoria entre 2003 e 2004. Tinha 44 anos.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube