MotoGP

Já garantido para 2020, Oliveira ameaça lugar de Zarco no time principal da KTM

Miguel Oliveira é peça garantida na KTM na próxima temporada, mas pode ganhar o status de piloto oficial da equipe de fábrica com o mau desempenho de Johann Zarco

Grande Prêmio / Editorial, de São Paulo
O ano de 2020 na equipe principal da KTM na MotoGP ainda é uma incógnita, após os primeiros seis meses da temporada atual. Com Johann Zarco acumulando resultados ruins e pouca evolução, o português Miguel Oliveira parece ser o piloto favorito para assumir uma possível vaga no time. Atualmente na Tech3, e garantido para a próxima temporada, o piloto recebeu vários elogios pela boa adaptação que conseguiu com a moto logo no ano de estreia.
 
Até a sétima etapa, Oliveira somou 12 pontos no campeonato e ocupa a 17ª colocação no geral. Ele está apenas uma posição atrás de Zarco, que possui quatro pontos de vantagem. Ou seja, mesmo correndo com uma moto satélite, o desempenho do português é semelhante ao do piloto principal. A KTM reconheceu este bom desempenho e, rapidamente, renovou o contrato de Miguel Oliveira até 2020.
 
Porém, como mostra o jornal português Record, as intenções da marca austríaca podem ser ainda maiores com Miguel Oliveira. Os diretores da equipe estariam querendo fazer uma troca para a próxima temporada. A ideia seria tirar rescindir o contrato de Johann Zarco e colocar o jovem português no lugar. Até o fim do ano, os dois pilotos vão ganhar mais atenção nessa disputa interna.
 

 
No final do ano passado, a KTM fechou um acordo para comprar a Tech3 da Yamaha e oficializou duas equipes na MotoGP. A ideia era usar jovens pilotos na equipe satélite, com Miguel Oliveira e Hafizh Syahrin, enquanto Zarco e Pol Espargaró mostravam resultados na principal. Porém, a equipe não esperava as dificuldades em adaptação do francês. A boa notícia, segundo o site Motorcycle Sports, foi o desempenho de Oliveira nas corridas e nos bastidores.
 
KTM sonha com título
 
A temporada atual da MotoGP já parece bem encaminhada, quase sem surpresas, para mais um título de Marc Márquez. O espanhol da Honda continua dominando as corridas, conseguiu quatro vitórias em sete etapas e disparando na liderança. O portal de apostas da Betfair já coloca o piloto como quase campeão. No dia 26 de junho, ele aparecia com 99% de chances de título, deixando Andrea Dovizioso e Alex Rins longe da taça. 
Miguel Oliveira (Foto: Tech3)
É nesse torneio que o time da KTM tenta crescer, e por isso quer realizar mudanças na equipe. Os diretores acreditam que o potencial da marca, após três anos na categoria principal, é de disputar o troféu dos construtores. No entanto, até agora nada disso tem acontecido. É nesse torneio que o time da KTM tenta crescer, e por isso quer realizar mudanças na equipe. Os diretores acreditam que o potencial da marca, após três anos na categoria principal, é de disputar o troféu dos construtores. No entanto, até agora nada disso tem acontecido.
 
Em 2020, a KTM deve passar por mudanças profundas e muito se espera para as próximas temporadas. Alguns rumores até colocaram Marc Márquez como um possível alvo, porém é algo improvável de acontecer. Isso é uma boa notícia para Miguel Oliveira, que se destacou na Moto2 e agora pode ganhar cada vez mais destaque na categoria principal. Por isso, vale a pena ficar de olho no português da Tech3 até o final da temporada.
 
Apoie o GRANDE PRÊMIO: garanta o futuro do nosso jornalismo

O GRANDE PRÊMIO é a maior mídia digital de esporte a motor do Brasil, na América Latina e em Língua Portuguesa, editorialmente independente. Nossa grande equipe produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente, e não só na internet: uma das nossas atuações está na realização de eventos, como a Copa GP de Kart. Assim, seu apoio é sempre importante.

Assine o GRANDE PREMIUM: veja os planos e o que oferecem, tenha à disposição uma série de benefícios e experiências exclusivas, e faça parte de um grupo especial, a Scuderia GP, com debate em alto nível.