Mir lesiona dedo da mão direita e abandona GP da Itália da MotoGP

Honda e Joan Mir decidiram não prosseguir com a etapa em Mugello, após o dono da moto #36 lesionar a mão direita no treino 2

Joan Mir não está tendo uma temporada fácil da MotoGP em 2023. Em seis etapas, são 13 quedas — a última delas aconteceu nesta sexta-feira (9), durante o segundo treino do GP da Itália. Após a sessão, ele foi ao centro-médico e lá foi detectada uma lesão no dedo mindinho da mão direita.

Por isso, Honda e piloto decidiram não prosseguir com a etapa em Mugello, sobretudo por ser um circuito de alta velocidade, que colocaria Mir em perigo de agravar sua lesão.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2
▶️ Conheça o canal do GRANDE PRÊMIO na Twitch clicando aqui!

Joan Mir se lesionou em Mugello (Foto: Repsol)

Isso já aconteceu na temporada, no GP da Argentina. Após um forte acidente na corrida sprint em Termas de Río Hondo, o campeão de 2020 foi barrado pelos médicos e não participou da corrida. Ele retornou na etapa seguinte, nos Estados Unidos.

Mir é 21º colocado no Mundial de Pilotos, com apenas cinco pontos. Seu companheiro de equipe, Marc Márquez, é 19º colocado. Com 53 tentos, a Honda está em penúltimo lugar nos Construtores.

O terceiro treino da MotoGP para o GP da Itália acontece às 5h10 (de Brasília) de sábadoGRANDE PRÊMIO acompanha todas as atividades do Mundial de Motovelocidade 2023.

Chamada Chefão GP Chamada Chefão GP 🏁 O GRANDE PRÊMIO agora está no Comunidades WhatsApp. Clique aqui para participar e receber as notícias da MotoGP direto no seu celular! Acesse as versões em espanhol e português-PT do GRANDE PRÊMIO, além dos parceiros Nosso Palestra e Teleguiado.