Kallio celebra trabalho de desenvolvimento da KTM e fala em disputar algumas provas da MotoGP em 2017

Piloto de testes da KTM, Mika Kallio celebrou o trabalho de desenvolvimento feito pela marca austríaca ao longo de 2016. Finlandês disse que está trabalhando para disputar algumas provas como wild-card na próxima temporada

 

Piloto de testes da KTM, Mika Kallio espera disputar mais algumas etapas da MotoGP na temporada 2017 como wild-card. O finlandês foi o responsável por guiar a RC16 na estreia do protótipo no Mundial de Motovelocidade, em Valência.

 
A participação no GP da Comunidade Valenciana, no entanto, acabou abreviada por conta de uma falha eletrônica. Mesmo assim, Kallio saiu do circuito Ricardo Tormo satisfeito e ansioso por novas chances de guiar.
Mika Kallio tenta disputar provas da MotoGP como wild-card em 2017 (Foto: KTM)

window._ttf = window._ttf || [];
_ttf.push({
pid : 53280
,lang : “pt”
,slot : ‘.mhv-noticia .mhv-texto > div’
,format : “inread”
,minSlot : 3
});

(function (d) {
var js, s = d.getElementsByTagName(‘script’)[0];
js = d.createElement(‘script’);
js.async = true;
js.src = ‘//cdn.teads.tv/media/format.js’;
s.parentNode.insertBefore(js, s);
})(window.document);

“Eu curti bastante pilotar a melhor moto do mundo, a moto da MotoGP”, disse Kallio sobre a temporada 2016. “É uma boa experiência e eu já gostava de fazer esse tipo de desenvolvimento, sempre me interessei por todas essas pequenas particularidades técnicas”, seguiu.
 

google_ad_client = “ca-pub-6830925722933424”;
google_ad_slot = “2258117790”;
google_ad_width = 300;
google_ad_height = 600;

“Mas, ao mesmo tempo, como sempre, eu disse que queria fazer essas corridas”, lembrou. “Nós estamos planejando alguns wild-cards e tomara que isso possa me trazer para o jogo outra vez”, torceu.
 
“Vai ser mais fácil agora com esses dois caras — Bradley [Smith] e Pol [Espargaró] — pilotando a mesma moto, já que há uma referência: ‘Ok, onde está o meu nível?” indicou. “Tomara que eu possa continuar a bordo e permanecer no nível que eles estão. Se puder fazer isso, acho que tem chance de fazer algo mais”, avaliou.
 
Smith e Espargaró assumiram a RC16 no teste coletivo de Valência, com Kallio voltando a guiar ao lado de Bradley em um exercício privado em Jerez na semana seguinte, já que Pol segue preso à Yamaha por contrato.
 
Único que pôde falar sobre a nova moto, Smith foi positivo em relação à performance da KTM. De acordo com Kallio, agora são as impressões dos titulares que passam a orientar o desenvolvimento do protótipo.
 
“Foi bom ouvir os comentários quando Pol e Bradley estavam testando a moto”, contou Mika. “Eles têm uma boa referência dos outros anos quando estavam usando as motos da Yamaha, então eu estava realmente curioso para ver os comentários”, continuou.
 
“São apenas partes que precisam melhorar. A maioria das coisas são bem similares aos comentários que eu fiz. Tem algumas coisas no acerto — como o freio motor, por exemplo — que eles queriam um pouco diferente de mim, mas isso é sempre uma questão do que os pilotos querem”, indicou. “Têm muitas coisas para melhorar, em quase todas as áreas, precisa apenas ser um passo à frente. Mas o feeling positivo estava lá, isso é o mais importante e isso mostra que nós fizemos um bom trabalho ao longa da temporada”, completou.

GOSTA DO CONTEÚDO DO GRANDE PRÊMIO?

Você que acompanha nosso trabalho sabe que temos uma equipe grande que produz conteúdo diário e pensa em inovações constantemente. Mesmo durante os tempos de pandemia, nossa preocupação era levar a você atrações novas. Foi assim que criamos uma série de programas em vídeo, ao vivo e inéditos, para se juntar a notícias em primeira-mão, reportagens especiais, seções exclusivas, análises e comentários de especialistas.

Nosso jornalismo sempre foi independente. E precisamos do seu apoio para seguirmos em frente e oferecer o que temos de melhor: nossa credibilidade e qualidade. Seja qual o valor, tenha certeza: é muito importante. Nós retribuímos com benefícios e experiências exclusivas.

Assim, faça parte do GP: você pode apoiar sendo assinante ou tornar-se membro da GPTV, nosso canal no YouTube